sábado, 5 de novembro de 2011

Show de Almir Sater reúne milhares de pessoas na Virada Cultural em Curitiba Hoje 05


Segundo estimativa dos organizadores mais de 10.000 pessoas prestigiaram o violeiro Almir Sater na Virada Cultural.

Almir Sater foi quem iniciou a programação no Palco Riachuelo, e encerrou seu show pouco depois das 14h. Apesar do forte sol que presenteou os curitibanos no primeiro dia da Virada Cultural, o grande público permaneceu a postos em frente ao Sesc Paço da Liberdade. No repertório músicas consagradas como Trem do Pantanal e Comitiva Esperança, que foram acompanhados em coro pela plateia.
“Já fiz alguns eventos ao ar livre como este, gosto deste carinho do público. Percebi que esta plateia sabe ouvir, apesar de estarmos em um grande volume de pessoas”, disse.








Para o violeiro, este evento é um símbolo da cultura. “Percebemos aqui a cultura correndo na veia de todos os presentes. Vemos públicos diferentes aqui. Quando os shows são realizados em teatro, sabemos que aquelas pessoas adquiriram ingresso para ver o artista. Nesta praça estão todos juntos, prestigiando, aguardando a próxima banda. É uma emoção que contagia”, destaca.
O diretor regional do Sesc Paraná, Dimas Fonseca, salientou o grande envolvimento cultural da entidade com a Cultura. “Como apoiador, unido à Corrente Cultural, reforçamos essa nossa missão, e contribuímos para que um evento desta magnitude aconteça”.

fonte: http://jornale.com.br/portal/entretenimento/71-01-entretenimento/20689-almir-sater-inicia-programacao-da-virada-cultural.html
O Artista deu início a Virada Cultural Curitiba, desse ano onde haverá 24 horas diretas de shows e eventos.

Como era de se esperar, a praça estava lotadíssima e milhares de pessoas compareceram, e nem o calor e forte do sol fez frente ao tamanho carisma do músico e a receptividade do público.Almir tocou,cantou e se mostrou empolgadíssimo com tudo. E, como sempre tem os "sortudos" que estão no momento e lugar certo, como a Anne, que confessou, que esperava por 21 anos, esse momento registrado ao lado do violeiro..
" É Bonito ser Simples"



Aqui um breve relato do que foi esse momento raro e mágico nas vidas das pessoas e diversas cidades e regiões que lá passaram.




Almir Sater dá início a Virada Cultural Curitiba Hoje

Virada cultural será transmitida nacionalmente


A emissora e-Paraná TV vai transmitir nacionalmente a 2ª Virada Cultural deCuritiba. A cobertura começa no sábado, dia 5, às 10h30 da manhã, com a abertura da exposição Anita Malfatti no Museu Oscar Niemeyer e prossegue até domingo, dia 6, com a apresentação dos principais espetáculos que acontecem nos três grandes palcos – Riachuelo, Ruínas e Praça da Espanha. A transmissão poderá ser acompanhada pela TV aberta (canal 9 e-Paraná em Curitiba e região metropolitana), pela parabólica (1320 MHz horizontal) ou pelo site www.e-parana.pr.gov.br
A programação inclui os shows do Ultraje a Rigor, Jair Rodrigues, Almir Sater, Marcelo Jeneci e também de muitas bandas e artistas da cidade como Copacabana Club, A Banda Mais Bonita da Cidade, Orquestra Sinfônica do Paraná com Hamilton de Holanda, Vocal Brasileirão com Sá e Guarabyra e Maxixe Machine. A cobertura da Virada Cultural a emissora e-Paraná vai contar com a participação especial de convidados da área cultural do Paraná que vão comentar as atrações antes e depois de suas apresentações.
Para o presidente da e-Paraná, Paulo Vítola, a parceria da emissora com um evento dessa importância acontece de forma muito natural: “Creio que estamos falando a mesma linguagem. Isto é a cultura em suas mais diversas expressões, sempre com qualidade e apostando também nos talentos do Paraná”, finaliza. [correntecultural@correntecultural.com.br]
Serviço:  Transmissão da 2ª Virada Cultural. Dias 5 e 6, na e-Paraná. Em Curitiba e região metropolitana (Canal 9), no Brasil pela parabólica (1320 MHz horizontal) ou pela internet ao vivo pelo sitewww.e-parana.pr.gov.br

Roger Waters tem pista premium esgotada

Segundo Caderno | 01/11/2011 | 16h19min
Roger Waters tem pista premium esgotada. Ingressos para The Wall Live custam entre R$ 100 e R$ 280


Começou nesta terça-feira, com muita fila, a venda de ingressos para o show de Roger Waters em Porto Alegre. Um dos fundadores e principal compositor de uma das bandas de rock progressivo mais importantes de todos os tempos, Pink Floyd, Waters traz para Porto Alegre The Wall Live, em uma turnê que passa primeiro pela Austrália e Nova Zelândia, antes de desembarcar no Chile, Argentina e, finalmente, Brasil. Na Capital, os ingressos para pista premium já estão esgotados.

No primeiro dia de vendas, fãs que compraram ingressos na loja Multisom da Andradas, no Centro, levantaram a suspeita de uma "venda casada"em que a aquisição de um DVD do artista daria o privilégio de um lugar mais à frente na fila. O gerente da loja, Airton da Rosa, nega que tenha sido feita venda casada, mas admite que alguns fãs foram privilegiados:

– Não tem como fazer venda casada, são caixas diferentes. No máximo uns cinco clientes assíduos da loja adquiriram um CD e o vendedor os colocou ali na fila dentro da loja (a fila se prolongava para fora do estabelecimento). Umas 10 ou 15 pessoas reclamaram e o problema foi contornado em 20 minutos.

O gerente afirma que um vendedor chegou a oferecer um DVD de Roger Water para compra aos fãs na fila.

– Ele apenas ofereceu o DVD. Não foi intenção passar alguém para trás de forma alguma.

A geógrafa Vanessa Moraes, 30 anos, aguardou duas horas e meia para garantir seu ingresso e o do marido. Chegou ao meio-dia e meia e utilizou uma sombrinha para se proteger do sol.

– Sou fã desde os primeiros discos do Pink Floyd. Gosto muito dos discos Pulse e The Wall.

Uma das últimas na fila, à tarde, a veterinária Fabiana Santos Castro, 31 anos, se preparava para uma espera de cerca de uma hora:

– Já estou desanimada. Mas vim aqui porque é um absurdo a taxa de conveniência (cobrada nas compras pelo site e pela telentrega).

A turnê The Wall Live começa no Brasil no dia 25 de março de 2012 em Porto Alegre, vai para o Rio de Janeiro em 29 de março e se encerra em São Paulo nos dias 31 de março e 1º de abril.

Serviço
Local: Estádio Beira Rio (Av. Padre Cacique, 891)
Data do show: 25 de março de 2012, às 20h
Classificação etária: 12 a 13 anos acompanhados dos pais. Acima de 14 anos, entrada livre
Capacidade: 48.001 lugares
Acesso para deficientes


Valores
Cadeira perpétua: R$ 100 (somente para proprietários de cadeira perpétua)
Cadeira descoberta: R$ 180
Anel inferior: R$ 240
Pista: R$ 240
Cadeira coberta: R$ 280

- Clientes do cartão de crédito MasterCard podem optar pela tecnologia MasterCard ShowPass, no qual o cartão vira ingresso. Mais informações no site:www.mastercardshowpass.com.br
- Vendas limitadas a 6 ingressos por pessoa

Horário da abertura das vendas

às 0h: na internet informações e vendas no site www.ticketsforfun.com.br. Há taxas de conveniência e de entrega para esse serviço.

9h: Telefone para vendas — 4003 5588 (válido para todo o país), 9h às 21h, segunda a sábado. Há taxas de conveniência e de entrega para esse serviço.

10h: Pontos de Venda Tickets For Fun. Há taxa de conveniência para esse serviço.

11h: Bilheteria Oficial – Loja Multisom - Segunda a sexta das 11h às 19h. Sábados 10h às 18h. Domingo e feriados não há funcionamento. Não serão cobradas taxas para esse serviço.

Formas de Pagamento:Dinheiro, cartões de crédito American Express, Visa, MasterCard, Diners e Cartões de Débito Visa Electron e Rede Shop.

ZERO HORA
.

Entrevista Almir Sater e a relevância das mídias sociais

 https://www.youtube.com/watch?v=9r2BuQ-bNn4

Interessante a entrevista de Almir Sater concedida meses atrás, mais precisamente em Maio e divulgada no Youtube, essa semana, dia 27.

Muitos vieram me perguntar, se me senti lisonjeada com as palavras do artista, a respeito da importância da disseminação deste trabalho nas mídias sociais, das quais eu respondi, que na verdade, somos todos "nós", merecedores deste reconhecimento e justo ao meu ver, todos contribuem direta ou indiretamente, para esse avalanche nas redes sociais, posso ser a comandante do navio, mas que, adiantaria, sem os marinheiros para conduzir o leme e aparar as velas e arestas, para ancorar  em porto seguro???

Com a globalização, o advento da Internet, o Lula, disse, durante seu aniversário essa semana, que hoje ,os blogueiros, twitteiros, disseminam as notícias, em tempo real, e, com isto, temos condições de formar opinião, sem serem massificados pelos  meios de comunicação, que até então, ditavam o que escrever, tendo o poder de alavancar como relegar a segundo plano, um determinado assunto ou fato.

Os blogueiros, em questões de segundos, repassam informações,  fatos e assuntos, publicados e que são multiplicados simultaneamente, chamamos de Viral.

Apesar das perguntas e respostas continuarem sempre as mesmas, desta vez, a jornalista, frisou sobre a relevância dos fãs, nas mídias sociais, já que não possui site oficial, e, no entanto, o artista estava sempre "bombando" nos sites.

Acho que ele foi muito feliz em suas observações sobre e a respeito, mesmo sem manter sites ou estar nas redes de relacionamento divulgando diretamente o seu trabalho, estar fora da internet, é estar fora do mercado ou com o tempo tornar-se um produto obsoleto, por melhor qualidade que tenha.

No caso do artista, como ele enfatizou na entrevista, pôde se dar a esse luxo, pois ao longo destes anos, conquistou fãs e fidedignos, que, de forma responsável, como ele bem citou, faz o papel de disseminadores nestas redes, que se revezam entre si, deixando em evidência sua agenda de shows e carreiras nas mídias sociais mais badaladas do momento.

Almir Sater pode(até) alegar que é alheio as coisas, que (somente) lê notícias e jornais ,me desculpe, mas de bobo ele não tem nada, pelo contrário é inteligente e muito, e como li uma vez, um psicólogo, da qual esqueci o nome, que afirmou - "Todo artista na verdade a vaidade impera, é mais que normal, que se interessem pelo que os outros estão dizendo a respeito dele e sua carreira.

Certamente, talvez, seja a resposta mais viável, a fim de não gerar expectativas nos fãs, mas, eu duvido, que pessoas como ele, não acompanham o que anda rolando a respeito.
Afinal, são 30 anos de profissionalismo e nos permite é porque sabe sobre que o fazemos com responsabilidade e a seriedade que uma carreira sólida como a dele, exige.Nas entrevistas, demonstra ser sempre bem informado e antenado sobre.
Mas aí já é outro "quinhentos". cada um sabe a delícia do ser o que é ..ou não Caê ???-
Com respeito as mídias sociais, Ele falou algo muito relevante, sobre ter disponibilidade e tempo para estar "nutrindo" os sites, e eu arrisco dizer, que, para um artista e leigo, a visão de marketing está correta , ou seja, para manter algo nas redes, é de extrema importancia, que sempre seja "nutrido", nas minhas palavras como administradora de empresas, a "retroalimentação" do sistema constantemente, para não cair no esquecimento, até desinteresse leitor e ficar piegas ou cair na mesmice. Isto exige dedicação máxima e comprometimento constante.

MÍDIAS SOCIAIS - Ferramenta indispensável para continuar em evidência ou manter a constanca no mercado.Zé Ramalho em outros tempos disse:Os automóveis ouvem a notícia. Os homens a publicam no jornal... E correm através da madrugada. -Não mais....Agora são os blogueiros,twitteiros e faceiros de plantão que as ditam sobre em tempo real !!!



Como os especialistas em mídias sociais, já disseram que ainda não estamos sabendo como utilizá-las na íntegra. Há muito os sites de relacionamentos, deixaram de ser usados para assuntos triviais, corriqueiros ou somente adesão de amigos, como já ocorrem na Europa e EUA,
Eles se transformaram em importantes ferramentas de trabalho, formadores de opinião e influenciadores na compra de um determinado produto ou não, na verdade, a velha e sábia propaganda de "boca em boca", de anos atrás, da qual hoje chamamos de "marketing viral e digital,".

Além, de ter essa obrigatoriedade de manter o sistema "nutrido" ou alimentado" sobre o conteúdo, no meu caso, a responsabilidade dobra, e se torna ainda maior, porque, são ferramentas criadas, alem de  falar especificamente de Almir Sater,  assuntos correlacionados e que agregam, com o intuito de gerar reflexões, afim de resgatar valores culturais e sociais.

Porém, como ele se tornou o principal foco do que faço como blogueira e disseminadora nas mídias, alguns até consideram as minhas redes, como oficial e demais artistas, jornalistas, contratantes, produtores de shows, secretários de cultura, interagem constantemente comigo, para receber release da carreira, fotos atualizadas, ou até mesmo, como ponto de apoio, para constar os shows na agenda. Uns até consultam, sobre locais, cidades em que poderiam fazer shows com o artista. Ao falar sobre Almir Sater, exige seriedade, respeito e coerência sobre.

A credibilidade é tamanha, ao ponto de fãs, retardarem a compra de ingressos, até terem a certeza de ver o show confirmado no Blog ou nas demais mídias que estou atrelada.

Nestes 5 anos que cá estou, aprendi que não posso sair do foco, porque as pessoas associaram a minha imagem com a do artista, "azar o meu" rsrs -E como eu nada conhecia dele antes de 2004 então, tive que em aprofundar em pesquisa, estudo sobre releases de carreira, ouvir a discografia, entender o seu estilo musical, (a intenção era fazer um mestrado, sobre "o poder influenciador das mídias digitais sobre um determinado produto" nas redes e até que ponto o marketing viral seria pertinente"), no entanto, quis o destino que se transformasse em correntes de divulgação em prol da carreira e benefício dos fãs, que até então eram sedentos por saber da agenda do artista, que não mantém sites oficiais na Internet.

Então busquei pesquisas sobre os mais de  30 anos de carreira, o modo dele agir e atuar no universo artístico e até vida pessoal. Exemplo? -O respeito e amor pela mãe Terra e o meio ambiente.

O que é ser do Bem ?E,.. não seria, levantar, por acaso, uma destas bandeiras, desfrutar melhor da vida, de forma, menos acelerada, respeitar o ar que respiramos, ganhar dinheiro mas saber usá-lo, de forma coerente e entre as belezas naturais ? então...

Lembro que quando eu estive num show, de Almir Sater, no primeiro semestre desse ano, um casal, após um dos integrantes da banda, falar a eles, que eu era a "divulgadora" dos shows, a moça veio ao meu encontro me abraçar, confesso que fiquei desconcertada e inibida, porque,
Nunca foi minha intenção, ter veia de artista, na verdade, me sentiria desconfortável, e talvez nem aqui estivesse, se fosse postar particularidades minhas, como fotos, nomes ou aparecer publicamente, embora fiquei sensibilizada pelo carinho recebido, e uma das perguntas dela, foi como eu tive a ideia de fazer a junção, de tudo o que ela, como fã, vê na imagem do artista,- simplicidade, amor pela natureza, meio ambiente, paz interior, música de qualidade e cultura.

Sabe que eu também não sei !!!!..rsrsrs...SIC, de verdade, sei lá, acho que me deixei levar pelos "insigths", intuição, criatividade, espontaneidade, e também pelos estudos que fiz sobre a carreira do artista, ou por ser uma educadora social e voluntária, pois grande parte do que posto são conteúdo das aulas, que ministrava ...sei lá....só sei que nada foi planejado, e sequer imaginaria, que eu ficaria mais que 1 ou 2 anos de forma tão atuante como faço até hoje ou fazia, reza a lenda, que o nosso ciclo de vida, finda em 7 anos, abandonando velhos hábitos e tudo recomeçar ..e tudo pode acontecer daqui pra frente....

Se já pensei em parar ??? sim -diversas vezes - Mas como diria certo escritor " -Quando a gente acha que tem todas as respostas, vem a vida e muda todas as perguntas-

Porém toda a vez que esse sentimento vem, eu me lembro das pessoas que interagem comigo e eu tenho um respeito enorme por elas, que me seguem nos perfis e demais redes, são muito gratos por ficarem a par da agenda do artista, e eu diria que ele é abençoado, a maioria destes fãs ou simpatizantes e seguidores, são extremamente gentis, educados, íntegros, puras de coração, alma boa e que com certeza, motivo de orgulho para qualquer artista- em tê-los como fãs - são pessoas que estão numa roda de energia mais elevada.

Nem todos que chegam até a mim, na verdade são fãs à primeira instância de Almir Sater e aí que entra a empatia e criatividade para mantê-los nos perfis, pois eu crio um mix e variado de assuntos, tendo ele como a base principal, até sobre outros artistas, que aprecio de forma menos intensa,[exceto Roger Waters e Robert Plant, que curto muito], Raul Seixas, Zeca Baleiro ou Pink Floyd, Led Zeppelin  e eu atraio simpatizantes deles também e isso traz um ar mais jovial e moderno.

Como "Loira do Bem" -Eu não posso falar(só) em Almir Sater, eu correria o risco talvez, de cair na mesmice, maçante ou o meu campo de "persuasão" e  atuação  ficaria restrito.

Também evito assuntos onde não há respeito pela diversidade, assuntos como dogmas, credos, raças, idades, camadas sociais, etc etc etc...,mas sou exigente quanto a Arte.  Acho que é dever de qualquer pessoa pública e artista, antes de enveredar por esses caminhos, se realmente possui o dom, habilidade e talento natural para fazer ARTE,  sobretudo, se tem realmente uma mensagem que vai agregar a sociedade de fato.

É DIA DE FOLK BEBÊ-
Isto é nítido desde quando eu ouvi o som pela primeira vez em 2003 era óbvio se tratar de um experimentalismo, sempre ouvi, na meditação e yôga, músicas irlandesas  e celtas, é muito similar e soa familiar em suas instrumentais, como "Floresta do Arco Iris", arranjos de Moreninha Linda, Fronteira,  lembra o som paraguaio e andino, e Cavaleiro da Lua, rock blues assim como O vento e o tempo, O Ganso,"blues" Na Cumbuca, 7 Sinais ,enfim, um lado de rock progressivo, como o som ópera de Pink Floyd e o folk de Dylan misturados e um estilo Zeppeliano de ser, que passeia pelo Blues.

Há pessoas, que podem até discordar, os mais velhos, com todo o respeito ao sertanejo, mas o estilo Sater de ser, nada tem a haver com o sertanejo em si, principalmente os dos dias atuais, mas um som mais atemporal, transcendental,

Considero que meu papel de disseminadora surte efeito quando leio que quase todos os entrevistadores, jornalistas ou mídias falam de um Almir Sater, assim, atemporal ,erudito e folclórico, ou seja FOLK BLUES.

Estar em tempo real, disponível e interagir com as demais pessoas, sempre aguçando a curiosidade dos leitores e seguidores a fim de que seja mantido a constância e interesse sobre o conteúdo e o site é outro fator fundamental para a continuidade da minha popularidade.

"Cada um no seu quadrado"-entre os profissionais de marketing e propaganda, eles dizem que um profissional de mídia social, deve ser graduado em Adm, marketing, mais especificamente em comunicação social ou propaganda -eu discordo, apesar de ser graduada em uma delas,

Lógico que ter esse conhecimento da parte teórica e até útil e vital para compreender as estratégias que envolvem o processo, afinal, tudo muda em piscar de olhos constantemente, o mercado é muito dinâmico, mas eu acho que só ter a teoria, não garantem bons resultados.

Muitos me procuram para trocar informações, ideias, de como criar blogs, sites e grupos até para outros artistas, eu diria que não existe uma receita de sucesso ou que vá realmente funcionar..."não existe o pulo do gato" -mas eu acho que tem que existir "afinidade" e "afinação" com o que pretende disseminar e agir de forma imparcial.

Muito mais que graduação, ser articulado, bem informado e amar o que faz e sobre o que faz e fazê-lo como se estivesse se divertindo, de forma bem natural, lúdica, não como obrigatoriedade ou porque garante o pagamento das despesas no fim do mês.

De nada adianta eu falar em Almir Sater, de seu talento, do compositor ou instrumentista, ou de suas qualidades intrísecas, como um good man, e defensor ou preservacionista do meio ambiente, por exemplo, se eu não acreditar na imagem que ele representa, se não admirar(de fato) a música dele ou não compactuar com seus objetivos como a conscientização e respeito ao meio ambiente e ter um perfil arrogante e altivo nas redes sociais.

Trata-se de um estudo que requer tempo, pesquisa, laboratório mesmo sobre a figura pública, até para não destoar do que realmente o artista é.

Antes de disseminar uma ideia, falar de uma pessoa pública, um evento, devemos fazer a seguinte pergunta:

-Eu compraria essa ideia, iria a esse show, compraria o CD e ouviria as músicas de verdade?

Se sim, está no caminho correto, vendendo sua verdade, caso contrário seria demagogo e dispensável fazer.

É preciso também gostar de interagir com pessoas e de forma autêntica, natural, e não cabe espaço para o ego, a vaidade, a arrogância, ciume ou qualquer vaidade deste porte;

Impor respeito e mostrar personalidade, falar dos assuntos com propriedade, sem se anular, mas com simplicidade e humildade e desenvolver aptidões que não estão tão em voga nos dias atuais, como a empatia, compaixão, prudência, bom senso e sobretudo ter coerência no que diz e age depois.
Construir uma imagem o seu "marketing pessoal", mas sem "inventar" coisas em que não acredita ,com o tempo, a imagem não se sustenta e cairá no descrédito.

Também mantenho uma postura intriseca, reservada e pouco falo de minhas particularidades,  mantenho a privacidade e longe do perfil criado, a não ser que sejam relevantes ou pertinentes dizer, às vezes faz bem, mostrar vulnerabilidades, comentar algumas preferências pessoais ou falar de coisas triviais, pois humaniza o perfil, caso contrário tudo penso ..nada falo..apenas o essencial.


O sentimento de gratidão faz parte de qualquer um que almeja ser elegante e sincero, nunca deixo de agradecer as pessoas por menor que seja o gesto e das quais trazem benefícios a mim e a carreira de Almir Sater e dificilmente deixo de falar num tom menos profissional, evito intimidades, mas trato todos de igual para igual, como se fossem "velhos conhecidos" também filtro bastante as informações e não me envolvo, em assuntos de tietagens explícitas ou polêmicos.

...ah,quer saber ...nem eu sei gente, não tem fórmula ou magia, acho que o grande "barato" é gostar do que faz, do que fala e admira e fazer com que as pessoas se sintam especiais e respeitadas

Como diria Raul Seixas, eu não sei que caminho eu estou indo, só sei que eu tô indo..... ou parafraseando Beatles...
Eu não sei, eu não sei Fique por perto e você verá...

Muito Obrigada pelo carinho, respeito, empatia e credibilidade em tudo que faço e nos pitacos nas redes.

Obrigada pessoas e do Bem-ou como Beto Guedes tão sabiamente já nos disse anos atrás
Anda! Quero te dizer nenhum segredo Vem que tá na hora de arrumar..Tempo!Quero viver mais duzentos anos Quero não ferir meu semelhante Nem por isso quero me ferir..Vamos precisar de todo mundo Prá banir do mundo a opressão Para construir a vida nova Vamos precisar de muito amor A felicidade mora ao lado E quem não é tolo pode ver ...
Criatividade é inventar
ㅤㅤ★ㅤ       experimentar, crescer
ㅤ★ㅤ        correr riscos, quebrar
ㅤㅤ★ㅤ       regras, cometer erros
ㅤ★ㅤ         e se divertir.
Para Todos Aqueles que apesar de tudo nunca desistem e continuam "Tocando em Frente" sempre
...Paz e Bem...
╬══ﺊ]ﷲ“ﷲﺅﺊ_______________________ﺊﺋﷲ“ﷲﺅﺊ══╬═