terça-feira, 14 de novembro de 2017

Hoje é Aniversário de Almir Sater!

Feliz Aniversário, Almir Sater !
Vida larga e farta sobre a terra e sempre junto dos seus!.
Nesta terça, 14 de Novembro é o Aniversário de Almir Sater, um dos artistas mais completos da Música Popular Brasileira. A viola não seria a mesma, sem a valorosa contribuição dele, Compositor e Cantor que encanta gerações!.
"Pretendo tocar cada vez mais, se possível por mais 47 anos. É o que gosto de fazer". Sou menino ainda.Tenho muito a tocar. Muita inspiração ainda vai baixar em mim (risos)”.
Que Assim seja!


  
Acompanhe a agenda de Almir Sater nesta semana e corra pra lá dar um "Abraço apertado e um suspiro dobrado" nele.


















Almir Sater no "Coração do Brasil" anotem já:
Nesta terça (14) Almir Sater comemora aniversário no palco da Praça das Américas em Rio Verde/MS.
Na Quarta (15) em Ponta Porã ( só vortei vou confessar eita feriado bão)! no Parque dos Ervais e (16) na Praça Evandro Bazzo em Jardim. gratuitos.
Correm pra lá para dar um Abraço apertado e suspiro dobrado nele!.  e dia 18 a festança
segue para Ribeirão Preto/SP no Centro de Eventos Taiwan, onde reúne com os amigos e parceiros Renato Teixeira e Sérgio Reis para mais um Show "Tocando em Frente".
Doce Novembro!

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Machado de Assis: Como ser um bom profissional

A importância de fazer o que gosta e ser capaz no que faz.
Machado de Assis, numa crônica bem-humorada dizia que encontrou o homem honesto que Diógenes, o cínico, tanto procurava em vão. E segundo ele não se trata de um homem culto, cientista ou de elevada posição social, mas um simples barbeiro. Foi justo quando ele, ainda estava com os pensamentos nas estrelas, quando se deparou com um anúncio nos classificados de uma Gazeta: "Vende-se uma casa de barbeiro fora da cidade, o ponto é bom e o capital diminuto; o dono vende por não entender...".

Segundo o escritor, essa nobre confissão de ignorância é um modelo único de lealdade, de veracidade, de humanidade. Não penseis que vendo a loja (parece dizer naquelas poucas palavras do anúncio) por estar rico, para ir passear à Europa, ou por qualquer outro motivo que à vista se dirá como é uso escrever em convites destes. Não, senhor; vendo a minha loja de barbeiro por não entender do ofício. Parecia-me fácil, a princípio: sabão, uma navalha, uma cara, cuidei que não era preciso mais escola que o uso, e foi a minha ilusão, a minha grande ilusão. Vivi nela barbeando os homens. Pela sua parte, os homens vieram vindo, ajudando o meu erro; entravam mansos e saíam pacíficos. Agora, porém reconheço que não sou absolutamente barbeiro, e a vista do sangue que derramei, faz-me enfim recuar. Que outros mais capazes tomem a tua freguesia...

A grandeza deste homem (escusado é dizê-lo) está em ser único. Se outros barbeiros vendessem as lojas por falta de vocação, o merecimento seria pouco nenhum. Assim os dentistas. Assim os farmacêuticos. Assim toda a casta de oficiais desse mundo, que preferem ir cavando as caras, as bocas e as covas, a vir dizer claramente que não entendem do ofício. Este ato seria a retificação da sociedade. Um mau barbeiro pode dar um bom guarda-livros, um excelente piloto, um banqueiro, um magistrado, um químico, um teólogo. Cada homem seria assim devolvido ao seu lugar próprio e determinado.

Segundo Machado, se fossemos sinceros o suficiente para admitir a nossa inabilidade, pouparia, não só a nós, como a sociedade lucraria ainda mais, em ter profissionais capacitados no exercício de suas verdadeiras aptidões, todos deveriam pensar nisso, inclusive os políticos. 
Resumindo, 'cada um no seu quadrado'. 

Obras Completas de Machado de Assis.
Crônica de A Semana. 

domingo, 12 de novembro de 2017

Almir Sater celebra aniversário nesta terça com show em Rio Verde

Almir Sater se apresenta na ‘Semana da Valorização da Cultura Pantaneira’ acompanhado de sua Banda, o artista fará show no dia do seu aniversário, 14 de novembro, na Praça das Américas, com entrada gratuita e encerra o espetáculo, em grande estilo.

















O evento desde 2013 se tornou uma festa tradicional e de grande importância, tem como objetivo, valorizar e divulgar a riqueza cultural da região e do homem pantaneiro. De 05 a 14 de novembro, a cidade apresenta uma vasta programação variada com muita música, gastronomia, artesanatos e diversas outras atividades que vão agradar em cheio os sul-mato-grossenses mais uma vez. Além do show, terá barracas com os trabalhos elaborados pelas escolas municipais focados na celebração dos 40 anos da fundação do Estado de Mato Grosso do Sul.


No palco, o violeiro revive sucessos como Tocando em Frente, Trem do Pantanal, Um Violeiro Toca, sem deixar de lado o toque de viola que o tornou consagrado e as mais recentes como Bicho Feio, D De Destino e Peixe Frito e não deverá faltar a bela canção "Coração do Brasil" feita por Almir e Paulo Simões em homenagem ao Estado.

O Músico tornou-se um dos mais respeitados ao empunhar sua viola de 10 cordas, através do experimentalismo sem rotular. No entanto agrega um toque diferenciado ao instrumento, estilos como blues e rock dos anos 70, com influências da música inglesa, embaladas pela pegada do folk norte-americano e das fronteiriças com seu estado MS, ‘a paraguaia e andina’, sem deixar de flertar com o purismo da música caipira e enaltecer a paisagem rural.

Dono de um talento ímpar e versatilidade como instrumentista, Almir Sater foi apontado pela Revista Rolling Stone Brasil entre os 30 maiores ícones brasileiros da guitarra e do violão na edição de 2012. Também obteve grande destaque ao aceitar convites para representar personagem de violeiro em novelas como “Pantanal” e “Rei do Gado”, além de Ana Raio e Zé Trovão e Bicho do Mato (2006).

Suas canções podem ser prestigiadas nas trilhas sonoras de duas novelas da TV Globo: “Mês de Maio” em ‘Tempo de Amar’, “Tocando em Frente” (“Melhor Canção da MPB” pelo Prêmio Música Brasileira em 1991 e considerada um hino motivacional) e “Bicho Feio” na novela "O Outro Lado do Paraíso", do mais recente CD ‘AR’ em parceria com Renato Teixeira. 


Em Dezembro de 2015, Almir e Renato lançaram pela Universal Music, o disco ‘AR' disponível nas plataformas digitais lojas e sites virtuais. Com produção do norte-americano Eric Silver, logo caiu nas graças do público, fãs e crítica especializada.



Além da agenda cheia e carreira solo, Almir têm-se dedicado ao projeto “Tocando emFrente” desde 2016 e viajado por todo o país, onde se reúne com os parceiros e amigos de longa data, Renato Teixeira e Sérgio Reis.
 

Em 2016 o 'AR'  recebeu o Prêmio Música Brasileira como “melhor dupla regional” para Almir e Renato e também, agraciados com o Grammy Latino como “Melhor Álbum de Música de Raízes Brasileiras”. E, não pararam por aí, a veia poética dos artistas aflorou ainda mais e em seguida deu vida a outro projeto, que deverá se chamar +AR a ser lançado em breve.

Serviço:
Almir Sater e Banda.
Quando: 14 de Novembro de 2017 ( terça-feira).
Onde: Praça das Américas, Rio Verde, MS.
Entrada: Gratuita. A partir das 18h00.
Mais Informações: Prefeitura Municipal de Rio Verde.

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

SHOWS OFICIAIS DE ALMIR SATER | AGENDA

(Shows 2017 em Cartaz)
➽ Você já sabia é claro▼ "AR" de Almir Sater e Renato Teixeira
¯\_(ツ)_/¯ “Melhor Álbum de Música Raízes Brasileiras” premiado no Grammy Latino 2016.
No compasso da viola de Almir Sater saiba onde ela 🎸vai estar ▼


Imagem: Carlota Fotografia/ CG
NOVEMBRO 2017
Dia 03 Selvíria/MS 
Onde: Praça principal na avenida João Selvírio de Souza e previsto para as 21h. Gratuito.
Dia 04 Anaurilândia/MS
Onde: Centro de Exposições e Lazer Maurício Thomazini e previsto para as 21 horas. Gratuito.
Atenção: Show foi transferido para o Clube Municipal de Anaurilândia.
Dia 05 Barueri/SP  
Onde: Parque Municipal Dom José - previsto para as 12h30. Gratuito.
Dia 10 Passo Fundo/RS - Show "Tocando em Frente" - 
Onde: Gran Palazzo
Dia 11 Chapecó/SC - Show "Tocando em Frente"  

Onde: Parque da EFAPI
Dia 14 Rio Verde/MS  

Semana da Valorização da Cultura Pantaneira.
Onde: Praça das Américas.
Dia 15 Ponta Porã/MS

Onde: Parque dos Ervais às 20h e Gratuito.
Dia 16 Jardim/MS 

Onde: Praça Evandro Bazzo - previsto para as 21h e Gratuito.
Dia 18 Ribeirão Preto/SP - Show "Tocando em Frente" - 

Onde: Salão Esmeralda do Taiwan Centro de Eventos
Dia 24 Araçatuba/SP - Show "Tocando em Frente" - 

Onde: Quarta Avenida
Vendas: https://www.guicheweb.com.br/evento/6717
Dia 25 Presidente Prudente/SP - Show "Tocando em Frente" - 

Onde: Salão do Limoeiro Climatizado Campus 2 da UNOESTE.
Inf: https://pt-br.facebook.com/events/129255181031489/
Dia 26
 São José dos Campos/SP 

Local: SESI Horas: 11h
Entrada: Gratuita.
+Inf: sesisp.org.br/cultura/musica/almir-sater.html
∞ ♬•¨¯`•♩∞ Mais novidades sempre acontecem...vai vendo...
+ Shows Tocando em Frente Agenda link Oficial da turnê até Dezembro 2017   http://tocandoemfrente.net
📀😜 AR Disponível nas plataformas digitais: https://umusicbrazil.lnk.to/DDeDestino  e em Lojas e Sites virtuais.
Nota: Agenda reproduzida  site  www.claudetefaria.com.br 
Escritório de Almir Sater | Contato Shows e eventos
Claudete Faria | email: claudetefaria@uol.com.br
☎ +55 (11)4485-1539/ (11)4485-3049/ (11)9.7546-3850

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

31 DE OUTUBRO É O DIAS BRUXAS VAI DE DOCES OU TRAVESSURAS!

















Que o dia  nos traga
"doces ou travessuras" 
 Menos Amarguras.

Festa de Halloween, na verdade, equivale ao "Dia de Todos os Santos" e o "Dia de Finados", e foi absorvido pela Igreja Católica para apagar os vínculos pagãos, que originam a festa. Os países de origem hispânica comemoram o Dia dos Mortos e não o Halloween. A palavra Halloween tem origem na Igreja católica. Vem de uma palavra contraída do dia 1 de novembro, "Todo o Dia de Buracos" (ou "Todo o Dia de Santos"), é um dia católico de observância em honra de santos. Mas, no século V DC, na Irlanda Céltica, o verão oficialmente se concluía em 31 de outubro. O feriado era Samhain, o Ano novo céltico. Alguns bruxos acreditam que a origem do nome vem da palavra hallowinas - nome dado às guardiãs femininas do saber oculto das terras do norte (Escandinávia). O Halloween marca o fim oficial do verão e o início do ano-novo. Celebra também o final da terceira e última colheita do ano, o início do armazenamento de provisões para o inverno, o início do período de retorno dos rebanhos do pasto e a renovação de suas leis. Era uma festa com vários nomes: Samhain (fim de verão), Samhein, La Samon, ou ainda, Festa do Sol. Mas o que ficou mesmo foi o escocês Hallowe'en.

Uma das lendas de origem celta fala que os espíritos de todos que morreram ao longo daquele ano voltariam à procura de corpos vivos para possuir e usar pelo próximo ano. Os celtas acreditavam ser a única chance de vida após a morte. Os celtas acreditaram em todas as leis de espaço e tempo, o que permitia que o mundo dos espíritos se misturassem com o dos vivos. Como os vivos não queriam ser possuídos, na noite do dia 31 de outubro, apagavam as tochas e fogueiras de suas casa, para que elas se tornassem frias e desagradáveis, colocavam fantasias e ruidosamente desfilavam em torno do bairro, sendo tão destrutivos quanto possível, a fim de assustar os que procuravam corpos para possuir, (Panati). Os Romanos adotaram as práticas célticas, mas no primeiro século depois de Cristo, eles as abandonaram. O Halloween foi levado para os Estados Unidos em 1840, por imigrantes irlandeses que fugiam da fome pela qual seu país passava e passa ser conhecido como o Dia das Bruxas. A brincadeira de "doces ou travessuras" é originária de um costume europeu do século IX, chamado de "souling" (almejar). No dia 2 de novembro, Dia de Todas as Almas, os cristãos iam de vila em vila pedindo "soul cakes" (bolos de alma), que eram feitos de pequenos quadrados de pão com groselha. Para cada bolo que ganhasse, a pessoa deveria fazer uma oração por um parente morto do doador. Acreditava-se que as almas permaneciam no limbo por um certo tempo após sua morte e que as orações ajudavam-na a ir para o céu.

A ORIGEM DA LANTERNA 
 
A vela na abóbora provavelmente tem sua origem no folclore irlandês. Um homem chamado Jack, um alcoólatra grosseiro, em um dia 31 reza a lenda que o diabo veio levar sua alma. Desesperado, Jack implora por mais um copo de bebida e o diabo concede. Jack estava sem dinheiro para o último trago e pede ao Diabo que se transformasse em uma moeda. O diabo concorda.Mal vê a moeda sobre a mesa, Jack guarda-a na carteira, que tem um fecho em forma de cruz.Desesperado, o Diabo implora para sair e Jack propõe um trato: libertá-lo em troca de ficar na Terra por mais um ano inteiro. 
Sem opção, o diabo concorda. Feliz com a oportunidade, Jack resolve mudar seu modo de agir e começa a tratar bem a esposa e os filhos, vai à igreja e faz até caridade. Mas a mudança não dura muito tempo, não. No próximo ano, na noite de 31 de outubro, Jack está indo para casa quando o diabo aparece. Jack, esperto como sempre, convence o diabo a pegar uma maçã de uma árvore. O diabo aceita e quando sobe no primeiro galho, Jack pega um canivete em seu bolso e desenha uma cruz no tronco. O diabo promete partir por mais dez anos. 

Sem aceitar a proposta, Jack ordena que o diabo nunca mais o aborreça.O diabo aceita e Jack o liberta da árvore. Para seu azar, um ano mais tarde, Jack morre. Tenta entrar no céu, mas sua entrada é negada. Sem alternativa, vai para o inferno.O diabo, ainda desconfiado e se sentindo humilhado, também não permite sua entrada, e como castigo, o diabo joga uma brasa para que Jack possa iluminar seu caminho pelo limbo. Jack põe a brasa dentro de um nabo para que dure mais tempo e sai perambulando.Os nabos na Irlanda eram usados como "lanterna do Jack " originalmente. Mas quando os imigrantes vieram para a América, eles acharam que as abóboras eram muito mais abundantes que nabos. Então Jack O'Lantern (Jack da Lanterna). Na América passa a ser uma abóbora, iluminada com uma brasa. Sua alma penada passa a ser conhecida como Jack O'Lantern (Jack da Lanterna). Quem presta atenção vê uma luzinha fraca na noite de 31 de outubro. É Jack, procurando um lugar. A abóbora simboliza a fertilidade e a sabedoria. A vela indica os caminhos para os espíritos do outro plano astral.

O Halloween pelo Mundo
No Oriente, a tradição é ligada às crenças populares de cada país. Como no Brasil, comemora-se o Dia de Todos os Santos em 1º de novembro e Finados no dia seguinte. As pessoas usam as datas para relembrar os mortos, decorando túmulos e lápides de pessoas que já faleceram. 

Robert Plant e Patty Griffin (2011) - na festa do Halloween na vizinhança.
A Irlanda é considerada como o país de origem do Halloween. Nas áreas rurais, as pessoas acendem fogueiras, como os celtas faziam nas origens da festa e as crianças passeiam pelas ruas dizendo o famoso “tricks or treats” (doces ou travessuras). No dia 1º comemora-se o Dia dos Anjinhos, ou Dia dos Santos Inocentes, quando as crianças mortas antes do batismo são relembradas. No México,O Dia dos Mortos (El Dia de los Muertos), 2 de novembro, é bastante comemorado no México. As pessoas oferecem aos mortos aquilo que eles mais gostavam: pratos, bebidas, flores. Na véspera de Finados, família e amigos enfeitam os túmulos dos cemitérios e as pessoas comem, bebem e conversam, esperando a chegada dos mortos na madrugada. Uma tradição bem popular são as caveiras doces, feitas com chocolate, marzipã e açúcar. Nesse país, a Tailândia existe o festival Phi Ta Khon, comemorado com música e desfiles de máscaras acompanhados pela imagem de Buda. Segundo a lenda, fantasmas e espíritos andam entre os homens. A festividade acontece no primeiro dia das festas budistas. No Brasil, além de comemorar o dia das bruxas, também  o Dia do Saci, uma lenda do folclore brasileiro.

Não importa qual a comemoração, 31 de outubro é data para se divertir, refletir e recarregar boas energias. Que venha o Novo!.
Fontes: História sobre 
Halloween  via Google.

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

TOCANDO EM FRENTE DESEMBARCA EM PIRACICABA NESTE SÁBADO

Neste sábado (28) Almir Sater, Renato Teixeira e Sérgio Reis se reúnem para o espetáculo ‘Tocando em Frente’ em Piracicaba, a partir das 21 horas, no ginásio de esportes da cidade.



Os artistas juntam seus estilos no palco e relembram os sucessos consagrados como “Romaria”, “Trem do Pantanal”, “Panela Velha”, “O Rei do Gado”, “Frete”, “Chalana”, “Tocando em Frente” entre outras, assim como do mais recente e premiadíssimo CD ‘AR’ (2015) parceria entre Almir e Renato que lhes renderam o Prêmio Música Brasileira e o Grammy Latino 2016 como ‘Melhor Álbum de Músicas Raízes Brasileiras’.



Canções como D De Destino, Peixe Frito e Bicho Feio (esta faz parte da trilha sonora da nova novela da TV Globo “O Outro Lado do Paraíso”). Reza a lenda que os dois gostaram tanto da feitura do último trabalho que já terminaram as gravações de mais um projeto e pretendem lançar o álbum ainda este ano. 


Enquanto isso, continuamos a se deliciar com as 10 canções inéditas de ‘AR’, que faz parte também do repertório dos shows e conta ainda com o norte-americano e multi-instrumentista, Eric Silver, na produção de ambos. 

Vale lembrar que uma das músicas mais regravadas inclusive por Almir Sater, 'Rio de Lágrimas", um clássico de Tião Carreiro e Pardinho e mais conhecido como ‘Rio de Piracicaba’ pelo refrão que homenageia o rio que corta a cidade se tornou um hino para os piracicabanos desde então. A canção escrita por Lourival dos Santos teve uma musa inspiradora, Ana Maria de Andrade Franco, irmã da dupla de violeiros (Craveiro e Cravinho) e amigo da família dela. "Não foi uma história de amor, mas sempre tivemos muito respeito um pelo outro. Lourival era muito amigo da minha família, de meus pais e irmãos", afirmou Ana, dois anos atrás ao site G1.

Os ingressos estão à venda pelo site online quase esgotados e em diversos pontos físicos e cidades vizinhas e será uma grande emoção, um espetáculo que agrada em cheio todas as gerações, certamente.

domingo, 8 de outubro de 2017

Almir Sater canta em homenagem a Campo Grande nesta quarta

"No Mato Grosso do Sul estamos de frente para as estrelas", assegura Almir Sater. E, nos próximos dia 11 e 12 de Outubro, o governo do MS preparou uma série de apresentações para comemorar os 40 anos da criação do Mato Grosso do Sul e Almir Sater sobe ao palco às 20h, no dia 11 de Outubro no Parque das Nações Indígenas.
 
Em Setembro passado (14) o artista marcou presença no Palácio Popular da Cultura e protagonizou momentos de pura emoção, antes e depois do seu show, e os convidados foram surpreendidos com a música "Coração do Brasil" feito em parceria com Paulo Simões e especialmente para o aniversário do Estado a ser celebrado em Outubro agora.   Assista o vídeo extraído do site oficial do governo abaixo


O cantor e compositor, um dos nomes mais respeitados da Música Popular Brasileira, no início do ano passado e com o parceiro de longa data Renato Teixeira, lançou um CD inédito ‘AR’ que logo caiu nas graças do público e crítica especializada, e foram agraciados com o Prêmio da Música Brasileira como “melhor dupla regional’ e Grammy Latino “Melhor Álbum de Música Raízes Brasileiras” e já estão em fase de lançamento, para mais outro álbum, aguardado com ansiedade por seus fãs e o cenário artístico. 
                                           FT: Eduardo Galeno - Agencia Produtora.
Organizado pela Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania (SECC), o evento reunirá apresentações musicais, exposições de artes plásticas, artesanatos e ações sociais. Para participar basta fazer a doação de um brinquedo, novo ou usado. O material arrecadado será entregue em entidades sociais dos 79 municípios do Estado. A programação completa você pode ver aqui 40 Anos de MS - Show Almir Sater
 
Serviço:
Show Almir Sater e Banda.
Quando: 11 de Outubro de 2017 – quarta-feira.
Onde: Parque das Nações Indígenas.
Horas: 20hs
Entrada: Para participar basta fazer a doação de um brinquedo, novo ou usado.

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Almir Sater e Renato Teixeira se apresentam no Festival Flamboyant

Almir Sater e Renato Teixeira se apresentam no Flamboyant Festival 2017 nesta terça (26) em Goiânia, e os ingressos estão esgotados, segundo organização do evento em seu site.

 
Com capacidade para cerca de três mil pessoas em cadeiras numeradas e organizadas por setor, os ingressos são adquiridos mediante trocas de notas fiscais de lojas do Flamboyant que variam de R$ 500,00 a R$ 1.200,00.

O Festival, um dos mais importantes da atualidade, desde Março já recebeu apresentações das mais diversas da Música Popular Brasileira como Titãs e Negra Li, Paralamas e Dado Villa Lobos,  Arnaldo Antunes e Paula Toller, Samuel Rosa e Lô Borges, Leo Jaime e Trio e Erasmo Carlos, Almir Sater e Renato Teixeira e encerra com Ney Matogrosso no próximo mês.

Amanhã (26) será a vez de Almir Sater e Renato Teixeira que celebram a conquista do Grammy Latino 2016 como 'Melhor Álbum de Música de Raízes Brasileiras' pelo CD 'AR' gravado em parceria e leva as inicias do seus nomes ( disponível nas plataformas digitais e lojas e sites virtuais)  e o Prêmio Música Brasileira 2016, como 'Melhor Dupla Regional´. Os artistas gostaram tanto da feitura e felizes com a receptividade do público, fãs e da crítica especializada que já terminaram um outro projeto em fase de lançamento e os fãs aguardam ansiosos pela novidade.
                                   FT: Eduardo Galeno / Agencia Produtora.
No palco, acompanhado de suas bandas eles celebram suas músicas consagradas e que faz parte do cancioneiro popular. Canções como Um Violeiro Toca, Peão, Trem do Pantanal, Chalana, Romaria e as mais recente 'AR' Bicho Feio, Peixe Frito, D De Destino entre outras devem constar no repertório, além de 'Tocando em Frente' é claro e premiada em 1991 como  a 'Melhor Canção da MPB' pelo Prêmio Música Brasilera e desde então, um hino motivacional. Sem dúvida, uma oportunidade única e das mais emocionantes para todos os presentes.

O que: Almir Sater e Renato Teixeira
Quando: 26/09/17 - terça- feira
Horas: a partir das 19h30
Onde: Palco montado no Flamboyant Shopping Center - Goiânia- GO
Ingressos: ESGOTADOS
Informações: http://flamboyant.com.br/promocoes/regulamento-flamboyant-in-concert-2017
+55 (62) 3546-2000 e Whatsapp: (62) 9.9623-3698 30

domingo, 24 de setembro de 2017

Renato Teixeira no Palácio das Artes em BH

Renato Teixeira se apresenta no Grande Teatro do Palácio das Artes em Belo Horizonte no próximo dia 28 de Setembro em um espetáculo imperdível.



Acompanhado pelos músicos de sua banda entre eles o filho Chico Teixeira, o cantor e compositor revisita sua trajetória com os grandes sucessos como Tocando em Frente, Romaria, Amanheceu, peguei a Viola,  Frete, Cuitelinho entre outras.

O artista é um dos mais respeitados compositores da música popular brasileira, sendo um dos precursores do Folk caipira, histórias e folclore que abrangem o cancioneiro popular. Suas canções foram gravadas por grandes nomes como Elis Regina, Maria Bethânia e considera a parceria com Almir Sater, um grande momento na sua história. Juntos, eles criaram letras e melodias inesquecíveis como ‘Um Violeiro Toca’ e ‘Tocando em Frente’, esta considerada um hino motivacional desde então. Outra parceria inesquecível foi com a dupla Pena Branca e Xavantinho. Juntos gravaram o disco “Ao Vivo em Tatuí”, que se transformou num marco no gênero.

Renato toca sua carreira pessoal com uma agenda requisitada e cheia de shows. Além do seu trabalho solo, faz parte do projeto “Amizade Sincera” com seu querido amigo Sérgio Reis. O DVD já ganhou disco de ouro e a agenda de shows da dupla se mantém cheia.

Atualmente se dedica à turnê do projeto “Tocando em Frente” que une Renato com seus amigos Almir Sater e Sérgio Reis no mesmo palco. Também se prepara para lançar um segundo álbum com Almir Sater repetindo a parceria que rendeu o prêmio por Melhor Álbum de Música de Raízes Brasileiras na 17ª edição do Grammy Latino – o “AR”, primeiro disco deles. Além do cobiçado gramofone, também ganharam o Prêmio da Música Brasileira na categoria Dupla Regional em 2016.

Na estrada há anos, em perfeita sincronia, Renato & Banda pretendem realizar um show emocionante,  daqueles memoráveis e cheios de surpresas, em que ”O simples resolve tudo”. 


SERVIÇO:
Renato Teixeira & Banda.
Quando: 28 de Setembro de 2017. Quinta-feira.
Horas: 21h00
Local: Palácio das Artes – Belo Horizonte/MG
Valores de Ingressos em R$:
Setor  1 e 2:  R$ 130,00 (inteira) e R$ 65,00 ( meia-entrada).
Balcão: 120,00 ( inteira) e  R$ 60,00 (meia- entrada).
Meia-entrada de acordo com a Lei em vigor.
Pontos de Venda:
Pela internet:
Ingresso Rápido ou televendas 4003-1212.
Ponto físico: Bilheteria do Palácio das Artes: de segunda-feira a sábado, das 10h às 21h e aos domingos e feriados, das 14h às 20h. Tel.: (31) 3236-7400.
Mais Informações: (31) 3236-7400 
Evento Oficial  Facebook Show Renato Teixeira | Palácio das Artes/BH
Realização: Jackson Martins Produções & Eventos.
Assessoria de Imprensa: Paula Granja (31) 9.9649.2968

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Atitudes Verdes para preservar o planeta.




Tomar atitudes verdes para a preservação do meio ambiente, para que o planeta se torne 
autossustentável e habitável por nós seria o ideal. A escassez de água, petróleo e outros recursos naturais não é um problema distante de cada um de nós, muito pelo contrário, nós podemos contribuir e muito para amenizar o desperdício, simplesmente fechando a torneira, enquanto se escovam os dentes.
- Isso é bom para o nosso bolso e o planeta agradece. Essas atitudes, só dependem de cada um de nós, da responsabilidade como cada um sobre a terra, o meio ambiente, numa consciência cósmica e coletiva mais elevada. Para isso é preciso e urgente mudar nossas atitudes, apego, ganância, materialismo e adotarmos atitudes verdes.

"Lembro de um Velho Índio contando histórias"..
"Nós não herdamos a Terra dos nossos Pais, mas pedimo-la emprestada aos nossos filhos". uma frase bastante conhecida mundialmente.
Portanto,  muito mais que simples habitantes do agora, somos responsáveis também pelo futuro das novas gerações que hão de vir e inclusive no combate à miséria e a fome. Sejamos menos egoístas e individualistas, esquecemos velhos conceitos antigos impostos por um sistema desigual, onde faltam oportunidades, respeito e bom senso e sobram ganância e mesquinhez de caráter.
 

Atitude Verde já!
De acordo com Helio Mattar, presidente do Instituto Akatu, ONG, voltado para o consumo consciente de São Paulo, consumimos 20% a mais do que o planeta consegue renovar e se fôssemos consumir como americanos e europeus, por exemplo seriam necessários pelo menos mais 4 planetas para atender a demanda. Eis uma relação de 38 atitudes verdes que podem contribuir para a sustentabilidade do planeta e de nossa vida na terra:














ÁGUA
1-Nunca deixe a torneira pingando - esse simples gesto é capaz de desperdiçar mais de 40 litros de água.
2- Se a descarga disparar - troque o reparo urgente.
3- Construção ou reforma - opte por vasos que usem o sistema V.D.R.(volume de descarga reduzido) que economiza até 40% de água.
4- Lavar a louça.
Jogue fora os restos de alimentos e encha a cuba da pia pela metade, ensaboe as louças com a torneira fechada, depois encha a cuba novamente e enxague as louças.
5- Ao tomar banho permaneça com a torneira fechada enquanto ensaboa o corpo.
6- Deixe a torneira fechada toda a vez que for escovar os dentes.
7-Lave de uma só vez, na máquina ou na mão, a roupa acumulada.
8-No verão, regue o jardim pela manhã ou final de tarde, para que a água não evapore rápido demais.
9-Em vez da mangueira ,use o balde para retirar a sujeira do veículo ou da calçada. Prefira varrer o chão sempre que puder.

PAPEL
Cada brasileiro gasta por ano, uma quantidade de papel equivalente a duas árvores. Reutilizar e reciclar papéis podem salvar uma árvore e meia por ano e ainda economizar 2 mil litros de água e 120 litros de petróleo gastos na fabricação do papel:
10- Use os dois lados das folhas, tanto para escrever como para imprimir.
11- Revisões de Texto: ainda na tela do computador, antes de imprimi-los para não ter
que pedir mais de uma impressão.
12- Reaproveite papel ou cartolina - para fazer rascunhos, anotações ou imprimir documetos enviados
13- Visualizar a impressão do documento antes de imprimir e evite imprimir uma folha
inteira, com apenas uma ou duas linhas escritas.
14- Se possivel, faça fotocópias - Use os dois lado da folha de papel.
15 - Use coadores - guardanapos e toalhas de pano.
16- Aceite apenas os folhetos de propaganda que forem do seu interesse.
17- Use envelopes - apenas quando for realmente necessário.
18- Tente reutiizar os papéis de presente e sacolas.
19 Quando comprar produtos feitos de papel, prefira os reciclados ou os que trazem selos de certificação, como o do Conselho de Manejo Florestal(FSC).


Nota:
Essas dicas entre outras já são atitudes bem interessantes, mas ainda faltam as sobre os alimentos , combustível e a eletricidade para uma próxima postagem.
Para encerrar, nas palavras de Almir Sater e uma dica para a consciência ecológica:
"Acho que a reciclagem de lixo é muito importante.Tenho viajado por aí e nota-se o grau de civilização pela quantidade de lixo que encontra-se nas ruas. Se você começar a rodar por esse Brasilzão, você vai ver que têm muitas diferenças com lugares muito sujos, muito mal cuidado e lugares limpos. Acho que é educação. A ecologia começa com a educação em casa.".


Fotos: Pixabay/free.
Fonte: Matéria extraída da Revista Bons Fluídos. 

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Eduardo Araújo e Banda em Belo Horizonte

Eduardo Araújo se apresenta no Cine Theatro Brasil Vallourec em Belo Horizonte no próximo dia 20 de Setembro, às 21h00. O espetáculo será realizado por Jackson Martins Produções e Eventos.


Com mais de 30 discos gravados, o cantor e compositor pioneiro do rock também considerado o “pai” do country no Brasil, sobe ao palco para celebrar os 50 anos de estrada. Acompanhado de sua banda relembra suas canções atemporais como ‘O Bom’ e “Vem quente que estou fervendo”, que marcaram toda uma geração e as mais recentes.



O artista sempre envolvido em diversos projetos lançou meses atrás o livro "Pelos Caminhos do Rock" nome de um dos mais importantes discos, onde conta sobre suas memórias e a sua imponente trajetória, que o transformou em um dos nomes mais respeitados do cenário brasileiro. Além das apresentações em programas de TV e rádios, Eduardo Araújo continua a fazer shows por todo o país. Suas canções navegam por diversas vertentes, desde o Soul Music ao rock e o blues, em pleno vigor criativo, o músico demonstra que “A Aventura não termina” ao transitar com naturalidade pelo Country Rock também, sua música remete ao purismo da paisagem rural e flerta com o cancioneiro popular, sem perder a essência e as suas raízes.


A abertura do evento a cargo de Bronnco Billy e os Mangas Coloradas. Considerada a banda mais country de Belo Horizonte, já se encontra na estrada desde 2011. No início deste ano lançaram seu primeiro Álbum, totalmente autoral, com arranjos em folk/rock e country e sons de artistas influentes na trajetória deles. E ainda conta com a participação especial do Coral Arte e Canto da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte.

Os Espetáculos sem dúvida serão emocionantes em todos os sentidos e imperdíveis.


FT: Angelo Pettinati
SERVIÇO:
Show Eduardo Araújo e Banda
Abertura: Bronnco Billy e os Mangas Coloradas.
Data: 20 / 09 / 2017
Horário: 21h
Local: CINE THEATRO BRASIL VALOUREC
Endereço: Av. Amazonas, 315 - Centro, Belo Horizonte – MG
Ingressos: Plateia I: R$100,00 meia-entrada R$50,00 / PLATEIA II: R$80,00 meia- entrada R$40,00
Pontos de Venda
Online: http://www.compreingressos.com
Oficial Facebook: https://www.facebook.com/events/EduardoAraújo
Realização: Jackson Martins Produções
Assessoria de Imprensa: Paula Granja (31) 99649.2968

sábado, 16 de setembro de 2017

É PRIMAVERA Tempo de Iluminar




Esta é a época do acasalamento e do nascimento da maioria das espécies na natureza. A vida tem seu esplendor. Dentro de nós, começa a surgir uma agradável sensação de que a vida, após o vento gelado e meses de inverno e escuridão recupera o seu esplendor. Para algumas culturas essa estação tem um significado milenar e os seus rituais de passagem, muitos especiais para eles. No caso do xamanismo, é a mais antiga técnica de entrarmos em contato com as energias sagradas da natureza.

Representa o nascimento dos humanos começando a viver. O tempo do verão é o período de frutificar, de rápido crescimento. E, quando chegamos no outono, vem o tempo da introspecção, quando colhemos resultados, obtemos o conhecimento necessário, para centrarmos em nós mesmos. E o ciclo se repete em círculo, no movimento de rotação da terra.
Ao receber inspiração das estações entramos em sintonia com a ecologia dentro e fora de nós, trabalhando o ambiente espiritual/planetário acessando o "Livro da Natureza". Onde quer que estejamos no mundo seremos afetados pelo balanço das estações. A disciplina mental gerada numa cerimônia permite que o corpo, a personalidade e a psique se harmonizem para que as manifestações possam ocorrer em sintonia com cada estação.



(*) Por milhares de anos nossos ancestrais tiveram consciência da vida e da morte como um fluxo contínuo. Compreendiam que era importante marcar os ciclos de renovação como, por exemplo, solstícios e equinócios. Acreditavam que assim, ajudavam o cosmos a crescer e a mudar. Ao resgatar essas celebrações nos tornaremos, novamente, unidos com a terra e com o cosmos. Recuperaremos a sensação de equilíbrio dentro de nós e de nosso mundo. Os rituais de passagem mostram que somos parte de algo maior, que podemos chamar de Deus ou Universo. Essa ligação com o sagrado traz um sentimento de unidade com o todo, nos dá uma sensação de pertencimento.


Quando percebemos a conexão universal entre nós, compreendemos que todas as histórias fazem parte da nossa história. A consciência da conexão é vital ao aprendizado da convivência mútua. Ninguém triunfa sozinho. Todos temos a necessidade de nos conectar com algo fora de nós – com companheiros de caminhada e com algo maior que nós todos. No xamanismo, procuramos aprender com as vozes dos ancestrais, dos velhos, das tradições, das crenças. Esse aprendizado é básico para podermos traçar o mapa de nosso caminho, de acordo com o livre arbítrio.

Nunca teremos paz enquanto irmãos estiverem em guerra, não evoluiremos se não fizermos a parte que nos cabe. Quantas pessoas não confundem felicidade com sucesso? Buscam oportunidades de riquezas e outros falsos valores para esconder a depressão, a falta de um sentido para a vida. Na reconexão com o sagrado, aprendemos a apreciar o mistério e a beleza das coisas simples, que geralmente passam despercebidas.

Por Léo Artése
---------(*)Profissional de comunicação formado em locução e radialismo, professor de comunicação verbal, especialista em marketing, consultor empresarial, terapeuta holístico, acupunturista e estudioso do xamanismo.

Foto 2: Rosas coloridas -  crédito Zé Ayusso - Festival de Flores de Holambra/SP.
as demais Reprodução/ Internet.

sábado, 2 de setembro de 2017

Comunicado de Cancelamento de Shows



 
Os shows de Beto Guedes e Eduardo Araújo, agendados para o dia 22 de Setembro próximo, no Cultural Bar, em Juiz de Fora (MG), estão cancelados.  Para os ingressos adquiridos em dinheiro os interessados devem procurar os pontos de  venda onde a compra foi realizada  Para os que compraram com cartão de crédito, envie e-mail para a acesseingressos@gmail.com e forneça os dados da compra para estorno e cancelamento.


Atenciosamente
  Jackson Martins Produções & Eventos