domingo, 31 de maio de 2015

Historiador desenvolve projeto de leitura em regiões carentes

Há uma década, Clóvis Matos realiza trabalho itinerário de leitura; 
em 10 anos, doou mais de 25 mil obras.
‪#‎IssoMudaoMundo‬  |Contato para doações ou qualquer incentivo :
 e:mail: clovismatos@hotmail.com | Celulares: (65) 81351176 (whatsApp) e (65) 99241029
Página Facebook: Inclusão Literária
Gabriel Soares                                                                                                       
 VINÍCIUS LEMOS 
DA REDAÇÃO
A caminhonete Rural Willys verde, intitulada “Furiosa”, chama atenção pelas ruas de Cuiabá. Na carroceria, são carregados mundos de conhecimentos, através de livros de literatura.

O veículo abriga o projeto “Inclusão Literária” e leva cultura para diversos municípios de Mato Grosso.


Dirigindo o automóvel, o técnico administrativo da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Clóvis Matos, de 60 anos, orgulha-se da ação social, que está completando uma década.

A paixão de Clóvis pelos livros surgiu na infância, quando morava no município de Iporá, em Goiás.

Apesar de o lugar ser distante, o criador do “Inclusão Literária” conta que conheceu os primeiros livros da vida a partir de hóspedes que passavam temporadas no hotel de sua família. O primeiro grande livro ao qual teve acesso foi “Cem Anos de Solidão”, do Gabriel Garcia Marquez.

“Na minha cidade não tinha livraria, nem asfalto. Os turistas levavam livros, gibis e revistas, foi a partir daí que comecei a me interessar pela leitura”, relembrou.

Formado em história, no ano de 1992, Matos teve a ideia de criar o “Inclusão Literária” após trabalhar como diretor de marketing em uma livraria da Capital mato-grossense.

Ele conta que criou um espaço de leitura na loja, para que o público pudesse ler trechos das obras. Porém, notou que muitas vezes os leitores iam diversas vezes ao local, para que pudessem terminar de ler os livros, sem comprá-los.



"Eu percebi que as pessoas terminavam de ler na própria livraria, sem comprar os livros, porque eles eram caros."

“Eu percebi que as pessoas terminavam de ler na própria livraria, sem comprar os livros, porque eles eram caros. A partir de então, tive a ideia de facilitar a leitura para quem não tinha condições financeiras”, explicou.

Criado em 2005, o “Inclusão Literária” marcou uma nova fase na vida de seu criador. O primeiro passo foi a compra da “Furiosa”, que desde o princípio foi utilizada para servir de biblioteca itinerante. Clóvis Matos sempre teve o objetivo de levar os livros para as zonas rurais, como Pantanal, Manso e Poconé.

Sem grandes apoios governamentais, o projeto teve pouco auxílio do governo. Clóvis relatou que o“Inclusão Literária” possuiu somente uma ajuda custeada pelo Governo do Estado.

O início da ação social foi avaliado em R$ 94 mil. O valor foi encaminhado para o programa de Lei de Incentivo Estadual, que concedeu apenas R$ 30 mil para ajudar na empreitada.

“Houve uma outra vez em que o projeto foi aprovado pela Lei de Incentivo Federal à Cultura e eu deveria captar verba. Mas fiquei dois anos e meio tentando e acabei não conseguindo nada”, lamentou.

Os gastos com gasolina, estadia e alimentação são pagos pelo próprio Clóvis, que não conseguiu nenhum tipo de ajuda financeira. Para auxiliá-lo na distribuição dos livros e na condução dos eventos, ele conta com voluntários. Alguns estudantes da UFMT costumam viajar com o técnico-administrativo para outros municípios.

Dificuldades de incentivo no Estado
Ele afirma que a falta de incentivo financeiro a projetos culturais ocorre pelo fato de Cuiabá não fazer parte dos grandes centros do Brasil.

“Somos periferia, se fosse Rio de Janeiro ou São Paulo, conseguiria recursos mais facilmente. Aqui é muito difícil”, disse.

Além do projeto “Inclusão Literária”, Matos também costuma ensinar audiovisual aos jovens presentes nas regiões onde faz distribuição de livros. Ele ensina a produzir obras que incluem som e imagem a partir da leitura dos jovens.

Por enquanto, apenas os municípios próximos a Cuiabá foram contemplados com incursões da “Inclusão Literária”, que ocorrem em quase todos os finais de semana. As regiões periféricas são os alvos. As zonas rurais do Pantanal, Manso, Barão de Melgaço, Chapada dos Guimarães, Acorizal e Poconé foram algumas das áreas que receberam o projeto.

A próxima parada do projeto será Juína, no interior do Estado, dia 4 de junho. A “Furiosa” desta vez será deixada em casa, pois este será o primeiro evento de Clóvis com sua nova biblioteca ambulante, uma Kombi branca. A nova ação tem empolgado o técnico-administrativo, que ainda está acertando os últimos detalhes do novo veículo.

Em uma década do “Inclusão Literária” foram distribuídos 25 mil livros. As obras são doadas às pessoas que participam dos eventos, pois Clóvis é contrário ao empréstimo literário. Ele compartilha do pensamento de que os livros devem circular e, por isso, acredita que as doações contribuem para que mais pessoas tenham acesso à cultura.

“Os livros contribuem muito para ajudar intelectualmente as pessoas. Por isso, não quero que elas devolvam, mas que passem para frente. A intenção é fazer as obras circularem”, explicou.

A partir do ano que vem, Clóvis deve se aposentar. Ele espera que na nova fase da vida possa se dedicar mais aos projetos de incursões literárias.
Para ler na íntegra Site Original:  midianews

sábado, 30 de maio de 2015

Almir Sater faz show no dia dos Namorados em Minas Gerais |

"A escola mineira é muito importante, eu gosto muito de tocar aqui, por isso que a gente vibra". — Almir Sater assim define quando vem cantar e tocar em Minas Gerais.
Imagem: Danielle Piccolotto - Reprodução
O Compositor, Cantor e Instrumentista retorna em Junho, para uma série de apresentações, nas cidades de Almenara (10), Araçuaí (12)  e Montes Claros (13) em especial ao "Dia dos Namorados". Com mais de 30 anos de carreira e 10 discos solos gravados, é considerado um dos artistas mais completos, graças ao seu virtuosismo. O Artista foi apontado pela Revista "Rolling Stone Brasil" como um dos trinta maiores instrumentistas, "violão e guitarra" da música brasileira.

Também obteve grande destaque, ao representar a figura de um violeiro nas novelas: ''Pantanal''(1990), ''Ana Raio e Zé Trovão'' (1991), "O Rei do Gado'' (1996) e ''Bicho do Mato'' (2006). 

No palco, o Artista revisita sua trajetória, canções marcantes: "Cavaleiro da Lua", "Trem do Pantanal" e as clássicas "Um Violeiro Toca", "Tocando em Frente" e "Chalana", sempre solicitadas pela plateia.O show mescla com o CD "7 Sinais", sem deixar de lado a técnica ímpar e o magistral toque de viola indispensável nas suas apresentações, que o tornou consagrado. Além do toque peculiar e diferenciado na viola, o músico não dispensa o violão folk de 12 cordas, que alternados, produzem um espetáculo original e de primeira qualidade. E o resultado é único, ao mesmo tempo reflete traços populares e eruditos, despertando atenção de públicos diversos. 

O artista é um dos poucos que não deixou a emoção de lado e a música flui de seu coração, com originalidade, sem subterfúgios ou aparatos tecnológicos, transborda em sentimentos, na forma real, capaz de penetrar até nas almas mais blindadas e aguçar a comoção. 

Almir Sater será acompanhado pelos músicos Rodrigo Sater ( violão de aço), Gisele Sater ( backing vocal) Marcelus Anderson ( acordeon), Guilherme Cruz ( violão) e Reinaldo Feliciano ( baixo acústico).

Realização: Jackson Martins Produções & Eventos
Informações para a imprensa: Paula Granja Assessoria de Imprensa/ (31) 9644-2968.

SERVIÇO:
Data: 10/06/15  | Quarta-feira.
Cidade: Almenara/MG
Horário: 22h
Local: Kaibé | Endereço: Rua Vicente Antônio Araujo, S/N.
Ingressos em R$:
Mesas Primeiro Lote: R$ 300,00/ Pista: primeiro lote Antecipado: R$50,00.
Ponto de Vendas em Almenara/ MG:
* Sena Turismo Viagens e eventos. Telefone (33) 3721-4186
Endereço: Praça Dr. Hélio Rocha Guimarães, 54 centro.
Mais Informações: Flávia Tupy pelo telefone (33) 8804-6757
Forma de Pagamento: Dinheiro ou 2x no Cartão de Crédito.
1/2 entrada: estudantes, professores da rede pública e acima de 60 anos ( Obrigatória apresentação na entrada do espetáculo).

Data: 12/06/15 | Sexta-feira.
Cidade: Araçuaí- MG
Local: Planalto Tênis Clube de Araçuaí
Endereço: Rua Dr. Túlio Ostílio - Planalto, Araçuaí – MG
* Encerramento com Luciano Tanure & Banda!!
Preço dos Ingressos: Mesas Primeiro Lote: R$350,00/ Pista: primeiro lote: R$50,00.
Forma de Pagamento: Dinheiro ou 2x no Cartão de Crédito.
1/2 entrada: estudantes, professores da rede pública e acima de 60 anos ( Obrigatória apresentação na entrada do espetáculo).
* Ponto de Vendas.
Planalto Tênis Clube de Araçuaí. Telefone: (33) 3731-1215
Informações: (031) 9634-4189/ (33) 3731-1215

Data: 13/06/15 - Sábado
Onde: Montes claros - MG

Horário: 22h
Local: Automóvel Clube de Montes Claros
Praça Doutor João Alves, 70, Centro.
*Ponto de Vendas: Celular Loja Autorizada Tim | Praça Dr. Carlos, 106, centro.
Valores R$:Mesas com 4 Lugares:
Setor A 500,00
Setor B 450,00
Setor C 400,00
Haverá mesas aleatórias.
Informações e Vendas: (38) 9256-8000 | (38) 9941-0537

sexta-feira, 29 de maio de 2015

ALMIR SATER ENCERRA VIRADA CULTURAL EM ILHA SOLTEIRA

Compositor, Cantor e Instrumentista Almir Sater é a atração mais que esperada, no palco principal,  da praça da integração, no encerramento, da Virada Cultural Paulista 2015, em Ilha Solteira neste domingo 31. O Artista que semana passada, se apresentou em Rio Preto (23) e Indaiatuba (24), sucesso absoluto, lotou os shows, acompanhado de uma grande multidão, emocionada ao som da viola.
 imagem: reprodução.
Com agenda lotada de shows, Sater tem se apresentado em diversos estados: sul, sudeste e centro oeste principalmente. Em Junho, o artista chega com seu som, no estado da Bahia, para delírio do Nordeste, que sempre pede apresentações do violeiro.Minas Gerais tem vai ter esse privilégio, já que o músico fará 03 apresentações, "em comemoração ao Dia dos Namorados", nas cidades de Almenara (10), Araçuaí(12) e Montes Claros(13). Os detalhes estão no Blog, Shows Oficiais de Almir Sater ou pelo Facebook https://www.facebook.com/LoiraDobem/events

Serviço:
Quando: 31/05/15 - Domingo
Onde: Ilha Solteira/SP - Virada Cultural 2015

Horas: 18h30
Local:
Palco Externo – Praça da Integração, s/nº - Centro 
Entrada: Gratuita
Fonte: Virada Cultural Paulista

LULA BARBOSA AGITA FESTIVAL DE GASTRONOMIA EM PASSA QUATRO


(Foto: Clio Luconi)

 Entre amigos musicais!.

Passa Quatro em Minas Gerais, recebe o músico, cantor e compositor Lula Barbosa, no show " Cantar e Viver ", para o VII Festival de Gastronomia - Passa Quatro Gourmet, nesta sexta 29 de Maio. 



Durante quatro dias, de 28 a 31 de Maio, os produtores e comerciantes locais se reúnem na cidade gastronômica do Passa Quatro Gourmet para apresentar seus pratos, receitas e produtos típicos da culinária mineira, sempre ao som de boa música, em um ambiente familiar.


Com mais de 30 anos de carreira, Lula Barbosa, revisita clássicos da MPB, além de cantar suas composições, mais de 500, e já foram gravadas por nomes ilustres da música brasileira, entre eles, Fábio Jr (Desejos e delírios) Jessé, Célia, Jane Duboc, Christian e Ralph, Jair Rodrigues, O Terço, Sérgio Reis, bem como de internacionais: Tania Libertad (México), Pedro Fernández (México), Amaya (Espanha).

O Artista será acompanhado pelos músicos, que agitam a noite paulistana em grande estilo: Leandro Martins (Bateria), Pichu Borrelli (Teclado) e Sergio Bello (baixo).
O Show está previsto para às 22h00. 

O Festival está sendo realizado na Praça de Eventos -  na Avenida Coronel Ribeiro Pereira.
Maiores Informações pelo telefone: (035) 3371-4312.

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Administração: QUAL É O SEU PROPÓSITO?

QUAL É O SEU PROPÓSITO?


Muitas vezes, estamos perdidos em nossos objetivos, para onde o futuro vai nos levar. Dizem que as coisas boas acontecem, sem a gente planejar. Mas dizem por aí, que sem planos, não chegamos a lugar algum. O primeiro passo, para mostrar nosso potencial, é conhecê-lo melhor. E um dos fatores é a autoanálise e sem critério.

Para tal, devemos elaborar uma lista de habilidades e talentos. Escrever também as nossas prioridades na vida. Quais são as coisas mais importantes para nós?. Não podemos deixar de faltar com as prioridades em nossa vida. Como também de nossos valores, quais são eles?. Geralmente, o que ficar repetitivo, é o traço mais marcante, que temos de prestar atenção maior. Segundo pesquisa, quatro são os pontos essenciais, para chegarmos ao um consenso, de quais são nossos verdadeiros objetivos, etc. Em cada um deles, descrever de 01 a 10, quais seriam elas, segundo nossa visão sobre nós mesmos, a seguir:


HABILIDADES:
A Capacidade e inteligência para fazer as coisas. Como diz Voltaire (mais do que capaz, mais do que instruído). Seria o grau de competência de um indivíduo frente ao um determinado objetivo. Exemplo: o “saber fazer”: cantar, dançar, interpretar. Competência (criatividade, astúcia, esperteza, manhas).

POTENCIALIDADES: A possibilidade da realização, ou seja, seria ação que algo ou alguém, tem de transformar em realidade. Quem canta bem (bom cantor), dificuldades em Matemática (aulas particulares/ reforço), para adquirir melhoras e habilidades. A força, vigor, energia, conjunto de aptidões, as possibilidades. Almir Sater em uma entrevista, anos atrás, revelou sabiamente que, pode ter o dom, "mas sem técnica e aperfeiçoamento, treino e incansáveis horas a fio, o instrumentista não chega a lugar algum". Ele se refere a potencialidade e aprimoramento na técnica. Ou seja, além da habilidade, a potencialidade, é fator determinante, para alcançarmos nosso desejo, o aprimoramento. E isso só é possível com muita dedicação, foco e esforço exclusivo. O tempo então é fator decisivo também.

PRIORIDADES: Eleger o que vem em primeiro lugar, o que importa para nós, de verdade. Muitas vezes, temos que abrir mão de nossos sonhos, sacrificar nossos objetivos, em prol de alguma coisa.

VALORES: O que consideramos importantes, quais as verdades mais profundas. O primeiro passo, para mostrar nosso potencial, é conhecê-lo melhor. Richard Jacobs consultor de empresas, em suas palestras, faz uma instigante pergunta: What´s your purpose? - O que estaria escrito, na sua lápide, em uma única palavra, para ser lembrado? - Então olhando de dentro para fora, repito: Qual é o seu propósito? - Amizade /Felicidade /Companheirismo/Realização pessoal, profissional /Reconhecimento, saúde, família, estudos, viajar.



A partir do autoconhecimento, aumentam nossas chances de estabelecer nossas metas e objetivos. É necessário saber, aonde vamos, o que queremos a longo ou curto prazo. Quais seriam eles daqui a 6 meses, um ano, cinco, dez anos, talvez?. A partir daí formular as estratégias para concluir nossos objetivos. O que queremos alcançar?


Sucesso profissional? Saúde estável? Um lar harmonioso e confortável? Independência financeira? Relações duradouras? Conclusão de estudos. Uma carreira artística. São ideais que a maioria de nós, sem dúvida, almejamos. Para tal, planejamento e dedicação em nossos objetivos, é a regra para todos.

Vale a pena investir em nossos objetivos, pois fatores como frustração, debilitação, aperto financeiro, desarmonia, em qualquer um destes campos, causam mais sofrimento e mais distante ficamos de nossos sonhos e realizações. Somos por natureza, seres empreendedores, e necessitamos de reconhecimento, tanto a nível pessoal quanto profissional. É a mola propulsora, ou seja, motivação que nos estimula a seguir em frente. Devemos investir em tudo que se diz referente a nós: formação, saúde, relacionamentos, e principalmente trabalhar com aquilo que nos satisfaz, seja qual profissão for.

Cada um de nós, usar de nossas aptidões ou habilidades, que temos vocação de fato, e jeito de lidar, seremos não só mais felizes como, o que está ao nosso redor, mais equilibrado e harmonioso.

Imagem: Reprodução Internet. O Texto faz parte do meu Curso "Desenvolvimento Interpessoal" do curso voluntário sobre Motivação Pessoal.

terça-feira, 26 de maio de 2015

Entrevista de Cris d`Avila repercute nos Canais

Cris d´Avila, Célia Coev e Rafael Moreno.

Em entrevista a Célia Coev nesta segunda, ao vivo, pela www.flixtv.com.br,

Cris d´Avila contou um pouco sobre sua carreira, trajetória, e universo musical.

Acompanhada de Rafael Moreno, guitarrista e compositor, entre um bate papo e outro, a Cantora e intérprete soltou a voz, homenageando seu Estado, Mato Grosso do Sul, com “Cunhataiporã”, do renomado artista Geraldo Espíndola.

Sempre antenada com a cultura sul-mato-grossense, citou o trabalho autoral do Pedro Altério um dos compositores mais promissores, e modernos da atualidade, inclusive a bela canção faz parte de seu repertório nos shows.

A artista tem se apresentado em eventos corporativos (shows fechados) e embalado a noite paulistana, com sua voz sofisticada nas Casas noturnas mais renomadas da Capital. Nas redes sociais conta com o apoio do público que aprecia boa música, e durante o programa, recebeu felicitações e perguntas de diversos estados: Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo, Paraná e até dos EUA.

Nos bastidores, o baterista Leandro Martins e Ricardo Marão acompanhavam tudo de perto e satisfeitos, pelo desempenho de seus parceiros musicais. E quem perdeu esse esse maravilhoso encontro, poderá assistir através do link do Programa já disponível:


A gente se esforça, para que vocês fiquem a par do que rola na Música. 

Nesta quarta, 27, Cris d´Avila se apresenta, no Madeleine Bar, às 21h30, Rua Aspicuelta, 201 - Vila Madalena. Reservas e Informações, através do telefone: (11) 2936-0616.
Em entrevista a Célia Coev nesta segunda, ao vivo, pela www.flixtv.com.br, Cris d´Avila contou um pouco sobre sua...
Posted by Cris d' Avila on Segunda, 25 de maio de 2015