Loira do bem ∞ : 11/12/12

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Pitaco by Loira do bem" PARA PERDER O MEDO DO RIDÍCULO".

Falar uma burrada, ter um segredo revelado, ser tachado de desengonçado... 
Quando enfrentamos situações assim, nós nos sentimos as últimas pessoas do planeta. 
Mas alguns livros, filmes e sites provam que estranho mesmo é quem nunca passou vergonha na vida acesse o link e saiba quais..
acessem e leiam http://issuu.com/revistasorria/docs/sorria08/
http://revistasorria.com.br/site/edicao/8/
Texto: Camila Gonçalves // Ilustração: Juliana Martinhago // Imagem: Divulgação
 

"Mas eu desconfio que a única pessoa livre, realmente livre, é a que não tem medo do ridículo" by Luis Fernando Veríssimo.
Concordo em absoluto !!!. by Loira do Bem.


 Em tempo: 
Sorria é uma revista sobre felicidade que tem 100% do seu valor de capa, descontados os impostos, revertido para o GRAACC (Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer).
 

Pitaco by Loira do Bem via Amor incondicional


Foto: Pitaco by Loira do Bem via Amor incondicional by Ingrid Dalila Engel ::  
É PRECISO AMOR PRA PODER PULSAR !!!...
A Lei é o Amor! Não existe nenhuma outra maneira de atingirmos nossa paz interna a não ser pela expressão do Amor Incondicional.

E o que significa este Amor Incondicional? É tão divino que o humano tem dificuldade até na compreensão desta expressão... é o caminhar na vida levando compaixão, compreensão, perdão, tolerância, desapego... dar valor ao que realmente tem valor, é não ficar preso a palavras, gestos, fatos, eventos, situações emocionais; é relevar com compaixão as mágoas, as injustiças, as decepções vividas no nosso cotidiano... é compreender que tudo isto é muito pequeno comparado com a grandeza da alma, com a grandeza da vida.

É a certeza de que tudo na Terra é ilusório, passageiro, transitório... é só uma pequena viagem.

Amar incondicionalmente é amar além, apesar das ilusões, é amar sem esperar retorno, pois o retorno real é Divino, o retorno real é a simples alegria de expressarmos o amor. A verdadeira felicidade é termos a capacidade de expressar o amor.

Convido vocês a fazerem um Jogo de Faz de Conta:
- Vivenciem um dia inteiro fazendo de conta que sabem amar incondicionalmente.
- Sejam pacientes e tolerantes.
- Relevem as pequenas mágoas, os pequenos ressentimentos.
- Olhem nos olhos do outro.
- Exercitem a solidariedade, a compaixão, o companheirismo.
- Evitem a autocrítica negativa e a crítica ao outro.
- Priorizem atividades que visem ajudar o próximo.
- Se permitam ter tempo para si mesmo e para o outro.
- Façam de conta que estão perdoando a si mesmo, a tudo e a todos.
- Façam de conta que vocês se amam e se respeitam e que também amam e respeitam o outro.
- Imaginem que amam a humanidade além dos interesses do ego.
- Sorriam, sejam gentis e atenciosos.
- Expressem através da palavra e dos gestos calma, alegria, esperança e carinho.

Quem sabe poderemos descobrir - através deste jogo de faz de conta - tanto prazer, tanto contentamento, ao ponto de até decidir incorporar a expressão do amor incondicional no nosso cotidiano, na nossa atitude interna, na nossa postura, na nossa caminhada...

Brincando de faz de conta podemos até descobrir a verdade da vida, que é o Amor Incondicional.
Ingrid Dalila Engel é Numerologa, Psicóloga e Psicoterapeuta. 
*Excelente semana proceis*.
Paz  & Bem .Pitaco by Loira do Bem via Amor incondicional
 by Ingrid Dalila Engel ::
É PRECISO AMOR PRA PODER PULSAR !!!...
A Lei é o Amor! Não existe nenhuma outra maneira de atingirmos nossa paz interna a não ser pela expressão do Amor Incondicional
E o que significa este Amor Incondicional? É tão divino que o humano tem dificuldade até na compreensão desta expressão... é o caminhar na vida levando compaixão, compreensão, perdão, tolerância, desapego... dar valor ao que realmente tem valor, é não ficar preso a palavras, gestos, fatos, eventos, situações emocionais; é relevar com compaixão as mágoas, as injustiças, as decepções vividas no nosso cotidiano... é compreender que tudo isto é muito pequeno comparado com a grandeza da alma, com a grandeza da vida.

É a certeza de que tudo na Terra é ilusório, passageiro, transitório... é só uma pequena viagem.

Amar incondicionalmente é amar além, apesar das ilusões, é amar sem esperar retorno, pois o retorno real é Divino, o retorno real é a simples alegria de expressarmos o amor. A verdadeira felicidade é termos a capacidade de expressar o amor.

Convido vocês a fazerem um Jogo de Faz de Conta:
- Vivenciem um dia inteiro fazendo de conta que sabem amar incondicionalmente.
- Sejam pacientes e tolerantes.
- Relevem as pequenas mágoas, os pequenos ressentimentos.
- Olhem nos olhos do outro.
- Exercitem a solidariedade, a compaixão, o companheirismo.
- Evitem a autocrítica negativa e a crítica ao outro.
- Priorizem atividades que visem ajudar o próximo.
- Se permitam ter tempo para si mesmo e para o outro.
- Façam de conta que estão perdoando a si mesmo, a tudo e a todos.
- Façam de conta que vocês se amam e se respeitam e que também amam e respeitam o outro.
- Imaginem que amam a humanidade além dos interesses do ego.
- Sorriam, sejam gentis e atenciosos.
- Expressem através da palavra e dos gestos calma, alegria, esperança e carinho.

Quem sabe poderemos descobrir - através deste jogo de faz de conta - tanto prazer, tanto contentamento, ao ponto de até decidir incorporar a expressão do amor incondicional no nosso cotidiano, na nossa atitude interna, na nossa postura, na nossa caminhada...

Brincando de faz de conta podemos até descobrir a verdade da vida, que é o Amor Incondicional.
Ingrid Dalila Engel é Numerologa, Psicóloga e Psicoterapeuta.
*Excelente semana proceis*.
Paz & Bem

Cultura - Almir Sater faz show para CEMEC lotado

'É Bonito ser simples"
Pela primeira vez, em Mairinque, Almir Sater lota  o espaço, e deixa fãs maravilhados com sua simplicidade e virtuose na viola.
O show que ocorrera dia 18 de Outubro, mês passado, teve momentos marcantes, também nos bastidores, com fãs emocionados e realizações de grandes sonhos, como de um menino, que, tirou fotos, e conversou com o artista, durante a passagem de som.
 
Um show que deixou a todos encantados pela música e pela simpatia do cantor e compositor que, também, já atuou em diversas novelas, mas que sempre deixaram em evidencia seu talento musical.

    Almir Sater esbanjou simplicidade, desde seu tradicional jeito pantaneiro de se vestir a sua fala tímida, porém, sempre bem humorada, com “causos” e histórias de sua vida repleta de músicas, bailes e aventuras.
    O show começou com uma música instrumental que, como o próprio disse “é apenas para esquentar os dedos e regular o som” e, depois, emendou a música “Trem do Pantanal”: um clássico que, segundo o próprio, novamente, sempre a toca em todos os shows.

    Ao final do show, Almir Sater foi presenteado com um berrante que um senhor na platéia, vestido a caráter para o espetáculo, com chapéu e botas, fez questão de oferecer-lhe. Após o bis, o cantor atendeu pacientemente a todos os fãs que esperaram ele voltar ao palco para uma sessão de autógrafos e fotos.