domingo, 20 de outubro de 2013

O "Politicamente Correto" -Processo Seletivo - empresas e pessoas

Foto: Pitaco I -      —O que eu acho sobre a Centauro e Seleção de pessoas do vídeo circulando!
     —Eu estou pensando, sobre essa padrão "politicamente correto" que estamos adotando, de maneira uniforme, se  é tão correto assim - ou somente gerando equívocos --- 
     —Noto uma crescente disso, que me assusta até, de que tudo agora é proibido, discriminatório,  preconceito,virou escárnio, rechaço - vamos denunciar, processar!
     —Eu não sei vocês, mas eu estou com "reservas" a respeito, com tudo que se torna " Generalizado" - corremos o risco, de aplicar um juízo de valor, que ao invés de conscientizar, torna-se coercitivo e perigoso. 
     —Claro, que acho falta de respeito e empatia, ofender gratuitamente  uma pessoa, que a leva ao rechaço e ofensa moral e psicológica. 
     —Se uma pessoa gosta de ser magra, e tem o corpo bem resolvido, não dá o direito a ela, de rechaçar e tripudiar em cima de quem tem o peso acima do desejado etc e tal..     — mas, isso não deve ser visto como "politicamente incorreto" , se ela defender a causa da magreza, como fez Luciana Gimenez ( Eu amo ser magra) e todos se ofenderam com isso, acho hipocrisia, falta de discernimento, pois  é diferente de dizer "EU SOU FELIZ porque SOU MAGRA" .    —  É uma escolha e direito dela, se expressar, quanto ao que faz bem a ELA.     — E isso, piora, quanto se trata de seleção de empresas, como o vídeo da menina que foi excluída da seleção de vendas, de produtos esportivos - por não se enquadrar no perfil que a empresa estava selecionando...     — continua Pitaco II.
Link do vídeo da polêmica: 
http://noticias.band.uol.com.br/emprego/noticia/100000638819/jovem-e-reprovada-em-selecao-da-centauro-por-estar-acima-do-peso.htmlPitaco I—O que eu acho sobre a Centauro e Seleção de pessoas do vídeo circulando!
—Eu estou pensando, sobre essa padrão "politicamente correto" que estamos adotando, de maneira uniforme, se é tão correto assim - ou somente gerando equívocos ---
—Noto uma crescente disso, que me assusta até, de que tudo agora é proibido, discriminatório, preconceito,virou escárnio, rechaço - vamos denunciar, processar!
—Eu não sei vocês, mas eu estou com "reservas" a respeito, com tudo que se torna " Generalizado" - corremos o risco, de aplicar um juízo de valor, que ao invés de conscientizar, torna-se coercitivo e perigoso.
—Claro, que acho falta de respeito e empatia, ofender gratuitamente uma pessoa, que a leva ao rechaço e ofensa moral e psicológica.
—Se uma pessoa gosta de ser magra, e tem o corpo bem resolvido, não dá o direito a ela, de rechaçar e tripudiar em cima de quem tem o peso acima do desejado etc e tal.. — mas, isso não deve ser visto como "politicamente incorreto" , se ela defender a causa da magreza, como fez Luciana Gimenez ( Eu amo ser magra) e todos se ofenderam com isso, acho hipocrisia, falta de discernimento, pois é diferente de dizer "EU SOU FELIZ porque SOU MAGRA" . — É uma escolha e direito dela, se expressar, quanto ao que faz bem a ELA. — E isso, piora, quanto se trata de seleção de empresas, como o vídeo da menina que foi excluída da seleção de vendas, de produtos esportivos - por não se enquadrar no perfil que a empresa estava selecionando... — continua Pitaco II.
Link do vídeo da polêmica:
http://noticias.band.uol.com.br/emprego/noticia/100000638819/jovem-e-reprovada-em-selecao-da-centauro-por-estar-acima-do-peso.html

 Pitaco II -
 Foto: Pitaco II - continuando Centauro e o vídeo do preconceito( seleção de pessoas). "Os riscos de generalizar" 
 —Se formos achar que uma empresa, por exigir determinado Perfil de Pessoa, se trata de preconceito, então teremos que rever algumas profissões... exemplo..
     —Vou falar do que eu conheço - cinto de segurança para trabalho em alturas: a Norma NR 18 (Segurança do Trabalho na construção civil)- exige para funcionários de até 100 kgs. 
     —Aí trava um eterno "impasse"   — entre os consultores de vendas e "Alguns" Técnicos ou Eng. de Segurança do Trabalho —com pessoas acima desse peso, em seu quadro ( que o cinto seja feito para suportar pesos maiores) e tem fabricantes que o fazem!.
     —Isso não quer dizer que seja proibido, mas não garante a integridade física em caso de queda. Veja bem não é só a queda, imaginem uma pessoa, nessa função - estando a 5, 10, 15 metros de altura, sofrer um desmaio, um mal súbito?      —Como  será resgatado?      —e mais, se ela por ventura, vir a cair, sofrer uma queda, que pode levá-lo ao óbito, ou lesões permanentes? 
     —Quando um corpo cai, segundo a física, ele acelera e ganha energia, no caso do cinto, ele aguenta uma força estática de tantos Kgs, que suporta o impacto, mas o restante será o trabalhador a absorver a energia.      —Ninguém vai se lembrar, de que aquela empresa estava  no "politicamente correto".
Imaginem outra situação - espaço confinado - já estiveram em um, boca de lobo (proteção de bueiros), minas sub terraneas ou fosso? - como um bombeiro, pode salvar a vida de alguém, se ele estiver no politicamente correto? como vai adentrar no local, se não estiver com o peso e estatura para tal? -
 —Certamente, nos tribunais, um advogado perspicaz e inteligente, vai pedir INDENIZAÇÃO, pelos danos sofridos, embasado na NR 18 - e provar por A + B que     — a empresa foi negligente, não deu prioridade a vida e tampouco, zelou pela integridade física, desobedecendo a norma e o colocando em risco,     — dá até para imaginar o discurso: 
     —Vejam vocês, senhores, quanto vale a vida?     —Para esse trabalhador?   —Nada, a ganância, a competitividade e o descaso, estavam acima de qualquer coisa!...
     —Portanto não se trata de discriminação ou preconceito nesse caso, mas o  conscientização e de preservar VIDAS!
     —Ainda acredito que o bom senso, deve ser a  regra de juízo e valor - que deveria Perpetuar.
     —Como posso vender um produto ou algo se sou ao contrário do que é proposto?  — Não entraria no CDC - "propaganda enganosa"? - se torna incoerente!  —a menos que a empresa queira ser irreverente e ousada! e ir na contramão — .Se formos por esse caminho Ótimo!. mas....
     —O que será de profissões que exigem no teste seletivo, força, resistência física e boa forma como Polícia Militar e Agente Federal, ou altura como Concurso de Beleza e Aeromoça? -
     —Prosa Complicada neh?  para quem é da área, não! risos.. —É proibido Equivocar!. —É proibido Generalizar!
"Os riscos de generalizar"
—Se formos achar que uma empresa, por exigir determinado Perfil de Pessoa, se trata de preconceito, então teremos que rever algumas profissões... exemplo..
—Vou falar do que eu conheço - cinto de segurança para trabalho em alturas: a Norma NR 18 (Segurança do Trabalho na construção civil)- exige para funcionários de até 100 kgs.
—Aí trava um eterno "impasse" — entre os consultores de vendas e "Alguns" Técnicos ou Eng. de Segurança do Trabalho —com pessoas acima desse peso, em seu quadro ( que o cinto seja feito para suportar pesos maiores) e tem fabricantes que o fazem!.
—Isso não quer dizer que seja proibido, mas não garante a integridade física em caso de queda. Veja bem não é só a queda, imaginem uma pessoa, nessa função - estando a 5, 10, 15 metros de altura, sofrer um desmaio, um mal súbito? —Como será resgatado? —e mais, se ela por ventura, vir a cair, sofrer uma queda, que pode levá-lo ao óbito, ou lesões permanentes?
—Quando um corpo cai, segundo a física, ele acelera e ganha energia, no caso do cinto, ele aguenta uma força estática de tantos Kgs, que suporta o impacto, mas o restante será o trabalhador a absorver a energia. —Ninguém vai se lembrar, de que aquela empresa estava no "politicamente correto".
Imaginem outra situação - espaço confinado - já estiveram em um, boca de lobo (proteção de bueiros), minas sub terraneas ou fosso? - como um bombeiro, pode salvar a vida de alguém, se ele estiver no politicamente correto? como vai adentrar no local, se não estiver com o peso e estatura para tal? -
—Certamente, nos tribunais, um advogado perspicaz e inteligente, vai pedir INDENIZAÇÃO, pelos danos sofridos, embasado na NR 18 - e provar por A + B que — a empresa foi negligente, não deu prioridade a vida e tampouco, zelou pela integridade física, desobedecendo a norma e o colocando em risco, — dá até para imaginar o discurso:
—Vejam vocês, senhores, quanto vale a vida? —Para esse trabalhador? —Nada, a ganância, a competitividade e o descaso, estavam acima de qualquer coisa!...
—Portanto não se trata de discriminação ou preconceito nesse caso, mas o conscientização e de preservar VIDAS!
—Ainda acredito que o bom senso, deve ser a regra de juízo e valor - que deveria Perpetuar.
—Como posso vender um produto ou algo se sou ao contrário do que é proposto? — Não entraria no CDC - "propaganda enganosa"? - se torna incoerente! —a menos que a empresa queira ser irreverente e ousada! e ir na contramão — .Se formos por esse caminho Ótimo!. mas....
—O que será de profissões que exigem no teste seletivo, força, resistência física e boa forma como Polícia Militar e Agente Federal, ou altura como Concurso de Beleza e Aeromoça? -
—Prosa Complicada neh? para quem é da área, não! risos.. 

—É proibido Equivocar!. —É proibido Generalizar!

PRA SER SINCERO



 Pra ser sincero eu não espero de você
Mais do que educação,
Beijo sem paixão,
Crime sem castigo,
Aperto de mãos,
Apenas bons amigos...

Pra ser sincero eu não espero que você
Minta
Não se sinta capaz de enganar
Quem não engana a si mesmo

Nós dois temos os mesmos defeitos
Sabemos tudo a nosso respeito
Somos suspeitos de um crime perfeito,
Mas crimes perfeitos não deixam suspeitos.

Pra ser sincero eu não espero de você
Mais do que educação,
Beijo sem paixão,
Crimes sem castigo,
Aperto de mãos,
Apenas bons amigos...

Pra ser sincero não espero que você
Me perdoe
Por ter perdido a calma
Por ter vendido a alma ao diabo

Um dia desses
Num desses encontros casuais
Talvez a gente se encontre
Talvez a gente encontre explicação

Um dia desses
Num desses encontros casuais
Talvez eu diga, minha amiga,
Pra ser sincero, prazer em vê-la
Até mais...
Foto: Humberto Gessinger - A Voz e Alma dos Engenheiros do Hawaii amanhã no out maringá e sábado na Ono em Foz do Iguacu lançando seu novo cd INSULAR e cantando todos os principais sucessos dos ENGHAW- Imperdįvel !!!

O Profissional de Mídia Social nosso de cada dia..



Pitaco Administração III: O Profissional de Mídia Social nosso de cada dia..
As redes sociais são na verdade, interações disfarçadas de negócios, das quais os mais leigos  ainda não compreenderam.

—Cada um tem uma aptidão, habilidade e potencialidade.. para alguma coisa e saber entender e respeitar isso faz toda a diferença  -ou seja - médico cuida de doenças - Advogados de processos, gari da limpeza da rua, professores do aprendizado, bombeiros em apagar incêndios,

—E.... os Profissionais de mídias sociais, geralmente estão atrelados as áreas da comunicação, jornalismo, publicidade, marketing e administração - tem características multidisciplinares, como foco, dedicação, empatia, criatividade. São aqueles que possuem uma sentimento natural, de falar de alguma coisa, como um formador de opinião, de uma forma mais dinâmica e espontânea.
É preciso ter assertividade para entender a Dinâmica disso tudo e saber diferenciar, vai muito além de amar e admirar um determinado produto e tomá-lo como seu ! e fechar as portas para o que podem de fato somar e agregar.

Infelizmente, por alguns (ainda) não compreenderem a sutil diferença, criam-se pré resistências - como o “Sabotar" que não só implica ir contra algo, e de forma relutante até, mas  o pior, contra si mesmo, ao adotar uma atitude assim, estará sabotando o produto e suas implicações nas estratégias de venda e consumo final.

Antes que alguém torça o nariz, entenda todos somos "produtos", a todo o instante estamos vendendo a nossa imagem para os outros, nem sempre da maneira mais adequada, mas estamos.

Coisa estranha, mas inconscientemente é  o que fazemos, quando temos uma visão linear,( olhar mecânico e estreito) sem enxergar o todo, da engenhosidade da ação. Hoje, cada vez mais para divulgar um produto, é preciso acreditar, admirar e sobretudo se identificar com o efeito e impacto que vai causar aos demais.

Qualquer um pode desenvolver essas habilidades, mas tem que ter uma vida social dentro do virtual - ( usuário ativo das redes.) exige um papel ágil e de confiança, dinâmico, interativo e de efeito agregador.
Geralmente não tem supervisão de um gestor, pois depende dessa lealdade e das  habilidades naturais, como estar bem informado, antenado, autodidata, articulado, e uma linguagem mais dinâmica e descontraída. sensibilidade para entender e se reciclar com as abordagens certas.

 "Querer o meu não é roubar o Teu" por Raul Seixas. Muito pelo contrário, é fazer com que o seu - fica cada mais vez mais no "TOP oF mIND" ( arraigado na mente das pessoas) todo o tempo sendo lembrado e a ideia assimilada!.

—Vender é a arte de criar e transferir emoções, sempre causando muita satisfação em quem lhe confiou a possibilidade de prestar um serviço. — por César Romão.

Administração: ―Gestão de Negócios― 'SINERGIZE"



Um das coisas mais interessantes que aprendi na faculdade- em Teoria Geral de Administração - Sinergia significa que o todo é mais do que a soma das suas partes. ou seja é a soma das forças 2+2 equivale a 6 - quando há resistência por alguma parte, em somar as forças para se chegar ao um mesmo objetivo e final, 2+2 equivale a 0, ou seja, perda de energia, "entropia", e onde entra o feedback ( retroalimentação do sistema). 

Pessoas eficientes fazem somente o tradicional, as eficientes e eficazes, buscam por excelência, abaixo um dos 7 dicas do mestre Covey:


O hábito de sinergizar implica então a cooperação criativa e o trabalho em equipe: 

As pessoas com mentalidade ganhar/ganhar, e que escutam com empatia, podem aproveitar suas diferenças para gerar opções que não existiam antes.

Reunir várias perspectivas diferentes, no espírito do respeito mútuo, traz como resultado a sinergia. 

Os participantes sentem a liberdade de procurar a melhor alternativa possível, e com freqüência conseguem propostas diferentes e melhores que as originais.

A sinergia é um método para resolver problemas baseado em recursos humanos, em contraposição com o método baseado em relações humanas. 

Este último é utilizado por pessoas inseguras que tendem a ter em volta gente que pense igual e que constantemente tendem a concordar ou aprovar tudo o que se diga. Confundem uniformidade com unidade.

Fonte: Gestão de Negócios - Sinergize "um dos 7 hábitos de pessoas eficazes por― Stephen Covey.