Loira do bem ∞ : Maio 2009

domingo, 31 de maio de 2009

ALMIR SATER DÁ UM TOQUE ESPECIAL AS FESTAS JUNINAS


Calendário tá dizendo chegou seu mês de junho .....
Vai ter traque de véia na subida do balão.Seu Zé Mário é um festeiro.Chamou os violeiros.Principiando o rastapé.Sanfoneiro puxa o fole Nóis aqui puxemo um gole...
De fazer bem buscapé....

Os velhos e bons parceiros Paulo Simões e Almir Sater,tem toda a razão,pois o mês de Junho,as cidades,ganham um colorido a mais,as festas juninas..e com o resgaste de uma cultura genuína,cheia de bações na subida,ares de fazenda,doces caseiros,e muito traque de véia,para soltar...

Almir Sater e sua magistral banda,é sempre um dos mais requisitados para abrilhantar estes espetáculos,pois a imagem do violeiro e suas canções,estão sempre relacionadas,com eventos familiares,de bom gosto e que só transmitem paz e alegria, o bem estar e a comunhão entre semelhantes.

E haverá shows do artista em diversos lugares,e outros (ainda) a confirmar,a medida que for informada,postarei aqui,para que ninguém perca essas festanças...

Nestes shows,o artista fica mais descontraído,cantando além,claro de suas divinas canções, músicas que são do folclore e agrado popular...ocasião mais que propícia,
em,por exemplo,adoro esse vídeo,desta festa junina,do Sesc Itaquera,em 2007,onde tive a felicidade de estar presente e prestigiar esse showzaço e iluminado.

Mais de 5.000 pessoas,cantaram,dançaram e se divertiram de forma bem animada com a banda e Almir Sater...

Por isto,não percam, é imperdível os shows onde o artista se apresenta e com o fogaréu das festanças, mais ainda..

A ordem é se divertir, e esquecer até das véias fofoqueiras...esses são os shows relacionados com as Festas Juninas...



06/06 -Mauá-SP Festa Junina -Gratis
07/06 São Paulo-SP - AABB- Unidade Cantareira
11/06 Catanduva -SP - Sesc Catanduva
28/06 Caçapava-SP Festa de São joão.
Tem mais...muito mais aguardem ....

foto cedida por Magali Medeiros, show CG 28/05/09.

Almir Sater -Recorde de público na Virada Cultural em São João

Almir Sater faz a diferença na Virada Cultural para São João,interior de SP,em show realizado dia 17/05,domingo,às 17:00 horas.


Edição: 8717 de 20/5/2009 .
Virada Cultural 2009 atrai mais de 980 mil pessoas nas 20 cidades.

por CLOVIS VIEIRA
clovis@omunicipio.jor.br

A Secretaria de Estado da Cultura e a Polícia Militar estimam que 980.848 pessoas assistiram às mais de 560 atrações da Virada Cultural Paulista 2009, nas 20 cidades participantes. Estes ainda não são os números finais, que deverão ser divulgados em breve.

Aqui em São João,um público em torno dos 51 mil espectadores prestigiou os 25 eventos, de acordo com levantamento da prefeitura municipal.Este foi o segundo ano que a cidade recebeu a Virada e o projeto já é um dos mais esperados do ano nesta região.


SÃO JOÃO

A Virada Cultural Paulista deste ano atraiu o dobro do público que compareceu à festa no ano passado,sendo que somente no show do cantor Almir Sater estima-se que tenha comparecido um público de aproximadamente 15 mil pessoas, calcula a prefeitura.




A abertura oficial do evento aqui na cidade aconteceu no Theatro Municipal, com a presença do prefeito Nelson Nicolau e secretário de Estado de Gestão Pública, Sidney Beraldo, que na ocasião representou o governador do Estado, José Serra.

Durante a abertura, Beraldo parabenizou o governo do Estado pela iniciativa e São João pela receptividade ao evento: “A cultura tem que ser vista como uma complementação da educação e da cidadania”, disse. “O Estado de São Paulo tem 645 municípios e apenas 20 deles foram selecionados e esta é a maior prova de que São João leva a cultura muito a sério”, completou.

e, finalmente, Almir Sater rechearam o domingo de arte e cultura.

fonte: http://www.guiasaojoao.com.br/guiasaojoao/000/pag/F_municipio.asp?ID=7513

*esse violeiro é o cara,não tem jeito,por onde passa,com o firme compromisso
de fazer a diferença,portanto Secretário,João Sayad,em 2010,São Paulo,Capital,merece o som mais que manero de Almir Sater também.Esse ano,quero ver,começaremos com os lobbys desde agora,entupir sua caixa postal de sugestão sateriana !!!

As fotos foram cedidas por Milena,fã e membro da nossa Comunidade do Orkut.Obrigada,

sábado, 30 de maio de 2009

Fechamento do aeroporto impediu show de Almir Sater hj,30,em Sorocaba



Show em Sorocaba é adiado.Fechamento do aeroporto impediu show de Almir Sater.

Sábado, 30 de Maio de 2009 18:24 Paulo Fernandes

Almir Sater foi uma das pessoas prejudicadas pelo mau tempo em Campo Grande,que provocou o cancelamento de vôos. Ele tinha um show marcado para este sábado,às 20 boras,em Sorocaba (SP),mas teve o vôo, que sairia de Campo Grande,cancelado.


A apresentação do cantor Almir Sater,que estava prevista para a noite deste sábado(30),às 20horas,no Parque das Águas em Sorocaba,foi cancelada.

O cantor não conseguiu viajar para São Paulo, por conta de condições meteorológicas adversas em Campo Grande (MS), que implicaram no cancelamento do vôo programado. O secretário da Cultura de Sorocaba, Anderson Santos, ressaltou que as demais atrações programadas para o encerramento da 42ª Semana do Tropeiro estão mantidas.No horário previsto para o show cancelado, ocorrerá a apresentação da dupla Rodrigo Freitas & Xavier.

De acordo com a assessoria de Almir Sater, as condições meteorológicas impediram a aterrissagem do avião que faria escala em Campo Grande e levaria o artista a São Paulo, vôo previsto para as 12h30 do horário local (uma hora a menos em relação ao horário de Brasília). Mesmo que o tempo permitisse, a outra viagem com destino a São Paulo está programa somente por volta das 20h, na capital sulmatogrossense.

fonte:
http://www.cruzeirodosul.inf.br/materia.phl?editoria=39&id=189734

sexta-feira, 29 de maio de 2009

ALMIR SATER LOTA EVENTO EM CAMPO GRANDE





Segundo a Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur), cerca de 1000 pessoas prestigiaram o show do violeiro Almir Sater ontem (28), no segundo dia da Feira Internacional e 2º Salão de Turismo de Mato Grosso do Sul. O público acompanhou as clássicas do compositor, entre elas, as músicas É Necessário, Chalana e Trem do Pantanal. O evento acontece até domingo (31) no Pavilhão Albano Franco, na Capital.





Em entrevista coletiva, o compositor disse estar muito satisfeito em participar de mais um Salão de Turismo de Mato Grosso do Sul. “O meu Estado sempre me prestigiou muito. Fico sempre muito feliz de tocar para o meu povo”, comemorou. Ele destacou ainda que tem o prazer ser um dos artistas quem representam o Estado nacionalmente e que divulgam as belezas sul-mato-grossenses.



Almir afirmou também, que depois de compor, o que mais gosta de fazer são os shows, que possibilitam que ele conheça outras regiões do Brasil. “Tenho um prazer indescritível em me apresentar em praças públicas. Gosto de tocar para o povo”, reafirmou.




Para ele o poder público tem que investir nos artistas prata da casa pois são eles que defendem a cultura local. “O compromisso de quem faz cultura é mostrar arte, para que os mais jovens tenham vontade de fazê-la, finalizou.


Por Gisele Colombo - Assessoria de Imprensa FCMS



*fotos gentimente cedidas por Magali/Campo Grande-Comunidade de Almir Sater.

quinta-feira, 28 de maio de 2009

MAIO 2009 -AGENDA DE SHOWS ALMIR SATER E MAGISTRAL BANDA




CONTATO PARA SHOWS E ASSESSORIA DE IMPRENSA:
Escritório Claudete Faria Produções.
Telefones:55(11)4485-3049- 4485-1539
Celular: 55(11)7546-3850
claudetefaria@uol.com.br


01/05/09-sexta-feira-
cidade:Goiania-GO.
Homenagem ao Trabalhador.
Local:Praça do Trabalhador-Cnetro
Horário- à partir das 17:00 Horas
Entrada:Gratuita.

02/05/09-sábado.
cidade:Anapóis-GO.
local:Estacionamento do Sesi -na Vila Jaiara.
Horário:19:00 horas.
Entrada:Gratis.
Maiores Informações:(62)3902-1074/75

08/05/09-sexta-feira-
Cidade:Belo Horizonte-MG.
Show Violeiros do Brasil.
Horário:22:00
Local:Chevrolet Hall.

Preço:
Cadeiras numeradas:
1º setor: R$80,00 – inteira / R$40,00 – meia-entrada
2º setor: R$70,00 – inteira / R$35,00 – meia-entrada

Pista/arquibancada:
R$50,00 – inteira / R$25,00 – meia-entrada
Piso:
3º - Arena

VIOLEIROS DO BRASIL
Em espetáculo inédito, os onze violeiros do projeto se apresentam juntos em BELO HORIZONTE no lançamento do livro e DVD Violeiros do Brasil

Adelmo Arcoverde,Almir Sater,Braz da Viola,Ivan Vilela,Passoca, Paulo Freire,Pena Branca,Pereira da Viola,Roberto Corrêa,Tavinho Moura e Zé Mulato & Cassiano.

OBS:Livro e o DVD Violeiros do Brasil poderão ser adquiridos no dia da apresentação, no Chevrolet Hall ou no site www.projetomemoriabrasileira.com.br e nas principais livrarias e lojas de CDs/DVDs do país.

Classificação: 16 anos - haverá venda de bebidas alcoólicas.

Informações:(31)3209-8989

09/05-Sábado-
Cidade:Vespasiano-MG.
Local: Praça Publica
Entrada:Gratis
Homenagem ao Dia das Mães.
Horário:21:00 Horas.


Data:10/05/2009 -Domingo
Cidade:Lençóis Paulista-SP.
32º Feira Agropecuária de Lençois Paulista-FACILPA.
Local:Recinto de Exposições"José Oliveira Prado"
Horário:a partir das 20:00 horas.
ENTRADA:GRATUITA.
*Distância até a capital 280 quilômetros.

16/05-SÁBADO
Cidade:UBERABA -MG
Local:Centro de Eventos ABCZ.
Horário:21:00 Horas.
Ingressos:
Setor 1 - Cadeiras Numeradas
Inteira R$ 100.00
meia R$ 50,00

Setor 2 - Cadeiras Não Numeradas.
Inteira R$ 80.00
Meia R$ 40,00

Ingressos Antecipados:
Quero Pizza - Shopping Uberaba.
Telefones:(34) 3315-6200 -9195-9291
Informações:Tonico Produções.
Tel:(34) 3338-3784 -(34)9151-9844

17/05- Domingo
Cidade:São João da Boa Vista-SP
Encerramento da Virada Cultural 2.009.
Horário:17 ás 18:30.
Local:Palco Externo-
DETALHE:O Palco Externo fica no centro,na praça Rui Barbosa,antiga estação FEPASA.
Entrada:Gratuita.

Data:22/05-sexta-feira
Cidade:Londrina-Paraná
Local:Teatro Marista.
Horário:21:00 Horas.

Valor dos Ingressos:

Inteira R$ 100.00
Meia R$ 50,00
com Bônus no Jornal Folha de Londrina R$ 80.00:*(Promoção Válida até dia 21/05/09.

Ponto de Vendas:
Auto Posto Bela Suiça - Av. Higienópolis,nº 2.685:Tel.(43)-3028-1376
Datelli Calçados - Loja 413 -(Shopping Catuaí): Tel.(43)-3029-4010
Maiores Informações:Mantovani Produções( Cascavel)Tel:(45)-3225-3983

Data:23/05-sábado.
Cidade:Rolândia-Pr
*show fechado*

24/05 domingo
Cidade:Londrina-Pr.
Megashow da Paiquerê FM. Show beneficente.
Local:Autódromo Ayrton Senna.
Ingressos:R$ 2.00 reais + 01 kg de alimentos(não perecível).
Horário:à partir das 13:00 Horas.
Ingressos à venda nos supermercados Super Muffato e Lojas Pernambucanas.


Data:28/05 -Quinta-feira.

Cidade:Campo Grande-MS.
Feira Internacional e 2º Salão de Turismo de Mato Grosso do Sul acontece de 27 a 31 de maio de 2.009.
Horário: 21:00 Horas.
Local:Pavilhão Albano Franco
Entrada:Gratuita.

30/05/2009 -sábado
SOROCABA- SP
42ª Semana do Tropeiro de Sorocaba.
Almir Sater & Banda
20:00 Horas
Local:Parque das Águas - Jd. Abaeté.
DETALHES:Parque das Águas - final da Av. Dom Aguirre sentido centro-bairro.

terça-feira, 26 de maio de 2009

Feira e Salão de Turismo terá Almir Sater em Campo Grande 28/05



Mais uma vez,o público sul-mato-grossense está convidado a despertar os sentidos para vivenciar uma experiência inesquecível conhecer todo o Estado de Mato Grosso do Sul em um só espaço.

É a Feira Internacional e 2º Salão de Turismo de Mato Grosso do Sul,que acontece de 27 a 31 de maio,no Pavilhão Albano Franco,na capital sul-mato-grossense,com uma programação gratuita e cheia de atrações.

e dentre elas,o artista Almir Sater e sua magistral banda,para mostrar ao mundo,que o MS,tem de melhor em termos musicais,os fãs da comunidade já estão agitados e ansiosos,para prestigiar o músico durante o evento;


O evento é realizado pelo governo do Estado,através da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo (Seprotur), da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur) com apoio do Ministério do Turismo, Embratur, Banco do Brasil, Agraer, Sebrae, Senac, TAM, Enersul, Fundação de Cultura.

Mais informações no site do evento: http://www.salaodeturismoms.com.br

SERVIÇO:
ALMIR SATER EM CAMPO GRANDE MS
Data:28/05/2009
2º Salão de Turismo de Mato Grosso do Sul acontece de 27 a 31 de maio,
Local:Pavilhão Albano Franco
Entrada Gratis.
Horário:21:00 Horas.


*foto gentilmente cedida por Eliana Maria,show Curitiba 03/04/09 da Comunidade de Almir Sater.

domingo, 24 de maio de 2009

ALMIR SATER ENCANTA JOVENS FÃS EM LONDRINA 22/05



Foi assim que ouvi falar ...
Poderia ter sido apenas mais um fim de semana, um divertimento qualquer, se fosse um evento comum, mas tratava-se do show do melhor violeiro do planeta em Londrina, dia 22  na sexta-feira, ele o incomparável Almir Sater. Coisa incrível esse artista, que consegue mesmo sem estar constantemente na mídia, alavancar as vendas de qualquer local por onde ele se apresenta.O show estava marcado para às 21h00. No entanto, desde 19h00 aproximadamente a fila dupla, já começavam a se manifestar e aos poucos o pessoal foi se achegando.


O que deveria ser uma simples fila dupla, tornou-se uma estrondosa multidão de pessoas, que próxima uma das outras, virava já o quarteirão. Nem eram 20h30, o Teatro Marista já estava totalmente lotado de pessoas, um turbilhão chegavam a todo momento, a impressão é que não teria assentos o suficiente para atender todos, mas no fim todos foram devidamente acomodados.

O Violeiro não se apresentava nesta cidade havia 3 anos, em shows abertos ao público, porém em shows fechados, sua presença é quase que obrigatória, perfazendo um total de 2 a 4 shows anuais, em virtude que o artista possui uma quantidade incalculável de fãs e por onde ele se apresenta, arrasta sempre multidões, e sua presença positiva de marketing consegue atingir todas as camadas sociais, é sempre o mais lembrado para abrilhantar esses shows fechados, pois ele possui um carisma e aceitação quase que por unanimidade.

Bem, 21h00 horas e alguns minutos, começo de show Almir Sater transbordava felicidade, creio eu que o artista se emocionou ao ver aquela multidão incontável, em silêncio, aguardando de forma paciente a sua entrada no palco. E o violeiro enfim entrou....muito elegante por sinal....

Mal pisou no palco, o artista foi ovacionado de forma avassaladora, tal era a fome dos londrinenses e região, em ouvir a música sem igual e as instrumentais geniais, que atravessam os tempos, rompem barreiras e se tornam inesquecíveis na vida cotidiana de cada pessoa, que visa por mundos melhores, criando laços positivos.  O violeiro foi logo afinando a sua viola....com toda a categoria...


e logo se transformou em realidade, o que para muitos parecia (ainda) um sonho, tocou, cantou e encantou os seus fãs, alguns pela primeira vez.


O violeiro interagiu com o público, como se estivesse em sua varanda, leve, solto e descontraído, levando-os ao delírio e quando ele voltou para o BIS, ninguém queria aceitar que fosse o fim.

Almir Sater demonstrava profundo contentamento, pois como mestre que é, com certeza sabia que cumpriu a missão de levar o som da viola, para as pessoas, e que agradou em cheio a todos.

Com sua performance assim como de sua magistral banda, todos estavam sincronizados de forma perfeita, pareciam estar numa prazerosa diversão. O Artista ao final, sorridente, despediu-se da plateia provavelmente sem fadiga, pois como ele mesmo canta "nada disso me cansou, pois gente amiga, não me traz fadiga, só me traz calor"

E calor humano nunca é demais, fãs da comunidade do orkut, não pouparam tempo, distância, dinheiro, para aplaudir de perto o artista que aprenderam a admirar como a Lívia, de Belo Horizonte e a jovem Londrinense Andianara, de 17 anos que toca viola, e se espelha em Almir Sater, como seu mestre.

A menina estava eufórica e ansiosa, pois estaria num show do Almir Sater pela primeira vez e ver o seu ídolo tocar de tão perto, lhe causou muita emoção e tudo que ela desejava naquele momento era que o mesmo autografasse a sua viola. Porém, devido outros compromissos do artista na cidade, o mesmo não pode infelizmente atender os fãs, que aguardavam pós show, e isto causou uma certa frustração. Como eu sempre acredito que o universo conspira a favor, daqueles que emanam energia e bons propósitos, elas souberam através da produção do artista, que ele faria mais um show, numa cidade próxima de Londrina e permaneceria no hotel, por mais um dia e da qual ela poderia, ir ter com o mesmo a fim de realizar o seu tão sonhado objetivo.

Segundo ela mesma, voltou para casa, aborrecida achando que tudo estaria perdido, mas que de alguma forma, uma fada madrinha, poderia interceder e quem sabe seu sonho realizaria. De esperanças renovadas, seguiram as duas para o hotel onde o artista se encontrava, lá foram muito bem recebidas pelo músico Toninho Porto, um dos integrantes desta banda magistral de Almir Sater e que foi a ponte para que as fãs, pudessem enfim estar perto do seu artista preferido. E foram surpreendidas, superando todas as expectativas, pois Sater não só as atendeu como deu total atenção para a menina violeira e de certa forma, ficou encantado ao vê-la tocar sua música instrumental Luzeiro, e teceu grandes elogios, chegando a afirmar que a jovem toca "direitinho".




"Sabem para um bom violeiro nada é distante", então Almir não se fez rogado e com a viola de Andi nos braços, começou a tocar Luzeiro, dando-lhe dicas para ela tocar de forma mais fácil, e ao mesmo tempo, encantado de ver uma menina, tão jovem e demonstrando tanta seriedade em ser uma aprendiz de fato, e sendo sua fã, pois a geração atual, se renova felizmente, descobrindo o som genial deste artista.


  • Como se não bastasse tocar para seu maior ídolo e estar num show pela primeira vez, a menina ainda teve sua viola autografada.
Aproveitando a oportunidade, a outra fã Lívia que veio exclusivamente de Belo Horizonte, para assistir o show do artista, obteve do mesmo além das fotos, autógrafos no CD, um outro autógrafo direcionado a nossa comunidade do Orkut, da foto que foi tirada em Floripa, SC, 24/04/09 no Costão do Santinho.
















  

Almir Sater prova que quanto mais passa o tempo, ele se torna um artista atual e mais admirado, por todas as gerações, de 0 a 100 anos segue mpecável. Para ele talvez, seja mais um momento, como pessoa simples e carismática é de praxe, porém para os fãs, o momento será único.
A viola, violeiro e os sonhos se tocam de alguma forma.
* As fotos cedidas por Andianara, de Londrina, membro da Comunidade de Almir Sater no Orkut.

quarta-feira, 20 de maio de 2009

ALMIR SATER FAZ SHOW LONDRINA 22 MAI


Almir Sater faz show em Londrina
15/05/2009

Músicas intensas e apaixonadas; sucessos como “Chalana”, “Tocando em Frente”,“Moura” e muitos outros.É isso que o público pode esperar do show que o cantor Almir Sater faz em Londrina no próximo dia 22(sexta-feira),a partir das 21 horas, no Teatro Marista.

E digan o que lo digan....



Excelência técnica, emotividade e muitas histórias completam o espetáculo musical do violeiro, cantor e compositor que desta vez se apresentará com sua banda.O show como sempre ocorre quando é Almir Sater que está no palco, promete momentos preciosos de descontração,afinal,ele sabe como ninguém encantar a plateia com seus “causos” e sua viola.




Almir Sater nasceu em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, e descobriu que gostaria de ser músico quando estudava Direito no Rio de Janeiro. Em menos de três anos, percebeu que não seria um advogado e que a viola era o que realmente importava na sua vida. Voltou para a cidade natal e começou a estudar ritmos da região e sons da viola.

O compositor tornou-se um dos responsáveis pelo resgate da viola de 10 cordas, mais conhecida como viola caipira. Misturando o popular e o erudito em suas músicas, Almir ganhou dois prêmios Sharp, com as canções “Moura” e “Tocando em Frente”, gravada por Maria Bethânia.

Seu desempenho na novela Pantanal, da Rede Manchete, fez aumentar a publicidade em torno de seu nome. O sucesso o fez ator protagonista da novela Ana Raio e Zé Trovão e depois estrelou ao lado de Antonio Fagundes na novela O Rei do Gado, da Rede Globo, convidado pelo autor Benedito Rui Barbosa. Em 2006, Almir Sater lançou o seu CD 7 Sinais e fez parte do elenco da novela Bicho do Mato, da TV Record.

Serviço

Show de Almir Sater
Local: Teatro Marista (Rua Cristiano Machado, 240)
Data: 22 de maio, 21 horas
Ingressos: à venda no Posto Bella Suíça (Av. Higienópilis) e Datelli (Shopping Catuaí)
Preço: R$ 100 (inteiro), R$ 80 (com bônus Folha de Londrina) e R$ 50 (para estudantes e aposentados)


fonte:http://www.planetalondrina.com.br/cont/contFull.asp?categoria=111&nrseq=44921

ALMIR SATER É A ESTRELA DO ENCERRAMENTO DO FENAVIOLA - COLATINA -iITAPINA ES



Almir Sater e Pereira da Viola são as grandes atrações do III Festival Nacional da Viola(Fenaviola)que vai acontecer no distrito colatinense de Itapina de 11 a 13 de junho, promovido pela Prefeitura.

O evento será aberto no dia 11, quinta-feira, às 19 horas, com a realização da primeira eliminatória e com show de Efraim Maia; na sexta-feira será a segunda eliminatória e o show de Pereira da Viola; e no sábado será a finalíssima,e o show de Almir Sater.

Para os que desejam ir a Itapina no Festival as opções de hospedagem e camping são para a Chácara Santa Rosa, que está oferecendo alojamento e camping, e para o Camping Tima, situados na sede do distrito, onde será realizado o evento. O Camping Tima dispõe de piscina, área para caminhada e banheiro, e vai custar R$ 10 por pessoa.

A Chácara oferece serviços de bar e restaurante. O espaço para camping é bem arborizado, com café da manhã, que custará R$ 18, e sem café R$12. O alojamento é de quarto com banheiro coletivo e sala de TV, coletiva, mas não estão incluídos lençol, fronha e toalhas de banho e de rosto. Com café da manhã será R$ 28 e sem café R$ 22. É necessária a reserva prévia.

Almir Sater vem pela primeira vez a Itapina e com certeza vai se apaixonar pela Vila, mas Pereira da Viola já se apaixonou desde o ano passado; tanto que está retornando para incendiar o lugar com suas brincadeiras, cantorias e cantigas de músicas de rodas.

Itapina não está esquecida no tempo. E quem chega pela primeira vez logo fica apaixonado pelo lugar, situado a 30 quilômetros da sede do município e com uma população de 2.868 habitantes. Surgiu a partir da implantação da Estrada de Ferro Vitória a Minas. No passado tinha uma economia mais expressiva com a cultura do café e no garimpo de pedras preciosas.

O povoado tem o nome de origem indígena, que quer dizer "pedra lisa" e como em toda a região do vale do rio Doce era habitado pelos Botocudos. Já se chamou "ita" (pedra) e depois recebeu o restante. Preserva um conjunto histórico e arquitetônico com edificações construídas no auge da sua importância econômica, em estilo rococó, estilo colonial brasileiro e art décor dos anos 20 a 50 do século XX, uma das quais de propriedade da família da escritora capixaba Virgínia Tamanini, celebrizada pelo livro Karina. Ficou conhecido como a "Peróla do Rio Doce" nos áureos tempos.

O Fenaviola não só abre as portas do lugarejo, de seus casarões para o país, mas também oferece uma infraestrutura especial, com boas estradas e o privilégio de contar, no coração da vila, com duas paradas diárias de dois trens na estação da Estrada de Ferro Vitória a Minas, da Companhia Vale do Rio Doce (CVRD). Um que vem de Vitória e vai para Belo Horizonte, pela manhã, e outro que faz o sentido contrário, à tardinha.

A sede do distrito fica na margem sul do rio Doce e as estradas de acesso estão em boas condições de tráfego, com manutenção feita permanentemente pela Prefeitura. Pelo lado norte a chegada pode ser feita de carro pela Br-259, que liga Colatina a Baixo Guandu, e depois fazer a travessia do rio Doce entrando à esquerda em outra ponte.

Em época de Fenaviola, o vilarejo ferve de gente bonita e alegre, e torna-se a vitrine da música cabocla brasileira por três dias. As noites ficaram animadas. O cenário é único. Nos poucos bares e "vendinhas", ao longo das calçadas ou praças o bate-papo é interminável.

A nostalgia toma conta do lugar nos dias do Festival. Aliás Itapina tem guardadinho em seu passado de lembranças os grupos de rapazes e moças que passavam as madrugadas românticas sob o luar, nas calçadas conversando, cantando e ouvindo viola. Bons tempos para estes mesmos rapazes e moças, que hoje, já com seus herdeiros, estão retornando a Itapina, às suas raízes, para prestigiar o Festival e reencontrar os amigos e famílias, e trazendo filhos e netos para conhecer suas origens e mostrar como se divertiam num tempo de pura magia e encantamento.

Uma dos momentos inesquecíveis que ficam registradas por quem participa da festa, é o passeio na balsa. Um atrativo durante o Fenaviola é passear com os violeiros tocando e cantando dentro da balsa, passeando de um lado e de outro do rio. Os turistas curtem muito o passeio.

SERVIÇO:
ALMIR SATER E SUA BANDA MAGISTRAL.
LOCAL:DISTRITO DE ITAPINA- COLATINA -ES
HORARIO:22:00 HORAS.
ENTRADA: GRATUITA.


FONTE:http://www.colatina.es.gov.br/noticias/mostrar_noticia.php?area=cultu&materia=597


sábado, 16 de maio de 2009

fim de semana dobradinha de show de Almir Sater



fim de semana,tem dobradinha de show de Almir Sater e sua magistral banda.

Hoje,sábado,dia 16/05, Almir Sater se apresenta em Uberaba,MG,no Centro de Eventos ABCz,as 22:00 Horas e amanhã,domingo,dia 17/05,em São João da Boa Vista,SP,as 17:00
horas,encerrado a Virada Cultural Paulista de 2.009.

Incrível,como os mineirinhos de cidades próximas,como Andradas,Pouso Alegre e até Poços de Caldas,vão marcar presença em peso, para assistir o músico.

Bom shows a todos, e me tragam muitas fotos, HEHEHE..

Ás vezes ....




Maio,sábado,Hoje,16,ensolarado,mas terrivelmente frio,como a temperatura mudou,e a gente fica assim "encorujada",e o tempo traz melancolia,talvez,lua cheia,..quem
sabe,só sei que nada sei...



Eu não sei,eu não sei
Fique por perto e você vai ver
Eu não sei,eu não sei
Mas na lua cheia,Kikiô quer Tupi...quer guarani...


Kikiô
Almir Sater
Composição:Geraldo Espíndola

Kikiô nasceu no centro

Entre montanhas e o mar

Kikiô viu tudo lindo

Todo índio por aqui

India América deu filhos

Foi Tupi foi Guarani

Kikiô morreu feliz deixando

a terra para os dois

Guarani foi pro sul

Tupi pro norte

E formaram suas tribos

cada um em seu lugar

Vez em quando se encontravam

Pelos rios da América

E lutavam juntos contra o

branco em busca de servidão

E sofreram tantas dores acuados no sertão

Tupi entrou no Amazonas

Guarani ainda chama...

Kikiô na lua cheia quer Tupi,
quer Guarani......

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Só por Deus, mas eu Também vou reclamar..


O "Filósofo" e imortal Rauzito sempre teve razão:
 Eu vou tirar Meu pé da estrada E vou entrar também nessa jogada
 E vamos ver agora  Quem é que vai agüentar
Tem coisas que só por Deus, para dar jeito, porque eu já estou jogando (quase) a toalha.Cada pessoa que cruza meu perfil, que nem Freud explica.
 Tem gente que está do mesmo lado que você, mas deveria estar do lado de lá, mas eu sei que um dia a gente aprende (Renato Russo).  Rauzito continua: "As perguntas continuam sempre as mesmas e todo mundo explica tudo Como a luz acende?". Eu não sei nem o que comi ontem quanto mais, como posso afirmar esses pensamentos de doideiras, que essas pessoas sentem pelo artista:

Eu que sou uma reles mortal e mera moderadora da Comunidade do Orkut, fico a imaginar: Como deve ser difícil lidar com tantas energias e antagônicas, cada pessoa se achando no direito de ser "dona do cara", e o pior se sentem como parte da vida dele e sobra para quem ? — Para mim, eu que fico com a parte desta energia pesada e densa, quando a pessoa não ouve o que gostaria que eu dissesse.


Uma vem e faz o maior auê, porque a foto do artista está com um sobretudo e escrever e questionar "que tipo de roupa é "isto". Eu explico que "isto", como ela se referiu é um roupa de inverno,"Sobretudo", pronto já viro a mal educada. Agora, eu também tenho que responder pelo guarda roupa do Sater e suas escolhas? Pois bem, segundo a moça de visão simplista, " uma roupa feia e deselegante" da qual ela não aprovava, mas o que eu tenho a ver com isto?

Então, eu fui me aprofundar e pesquisar sobre: Segundo Eduardo Tevah, do Grupo Tevah, líder do mercado de moda masculina no Sul do país, vê o sobretudo como peça-coringa do guarda-roupa masculino.
"Ele evita a necessidade de ter de se agasalhar demais na rua e depois ter de enfrentar um ambiente fechado mais quente". Então,  convenhamos o deselegante não é o artista, mas a moça que é simplista e não conhece de moda masculina e ponto final.  Diga se de passagem, muito elegante e chique, coisa de lorde inglês, que se vê em romances de época.

A outra, uma senhora que com todo o respeito, poderia ser sua mãe, me escreve um rosário, que tem sonhos diretos com o artista, e que o sente íntimo e familiar, até o perfume que o mesmo usa, sente nos lugares de sua chácara, então deduz, só é um amor de vidas passadas. Eu já reparei, que todo mundo sempre tem alguém importante nas vidas passadas, porém ninguém foi o amor do Tião Macalé, por exemplo.


do Faustão, do trabalhador de mãos arruinadas, do gari da rua e então o Padre Fábio explica, para que eu possa entender e julgar menos, talvez:
"Quanto mais você tem essas paixões loucas pelos outros, é preciso tomar cuidado com as paixões impossíveis, nestes casos achamos que quanto mais difícil for para conquistar a pessoa, mais seduzidos ficamos". A tal senhora queria que eu interpretasse o sonho e afirmasse, que realmente é o amor da vida dela, que o reencontrou nesta vida, eu apenas repliquei: "Eu não sei o que lhe dizer, eu não tenho esse tipo de sonho, vivo o presente. Pois muitas vezes esses sonhos com pessoas famosas e bonitas, trata-se de vampirismo de energia. Enfim, virei a loura má que quer tirar as ilusões"
Eu não sou vidente, tampouco terapeuta de vidas passadas. Minha função é ser moderadora da Comunidade Orkut, para agregar a carreira profissional do artista, interagir com membros que compactuam das mesmas afinidades. Eu não estou interessada em saber de peculiaridades, de fantasias ou paixões platônicas, me limito a falar sobre os discos, shows, agenda, novidades do artista, o resto não me diz respeito e nem faz parte da linha de pensamento adotada por mim.Com licença, mas eu tenho coisas mais importantes a fazer e conto com sua compreensão e respeito.


Que dia estafante, o melhor a fazer é um banho de manjericão, reenergizar o corpo, a  mente e seguir Tocando em Frente.

Maio enfim chegou....


"Foi o tempo que perdeste com tua rosa que fez tua rosa tão importante." - O Pequeno Príncipe - de Antoine de Saint-Exupéry.

Só de Ouvidos a quem te ama....


SÓ DÊ OUVIDOS A QUEM TE AMA

Só dê ouvidos a quem te ama. Outras opiniões, se não fundamentadas no amor, podem representar perigo. Tem gente que vive dando palpite na vida dos outros. O faz porque não é capaz de viver bem a sua própria vida. É especialista em receitas mágicas de felicidade, de realização, mas quando precisa fazer a receita dar certo na sua própria história, fracassa.

Tem gente que gosta de fazer a vida alheia a pauta principal de seus assuntos. Tem solução para todos os problemas da humanidade, menos para os seus.Dá conselhos, propõe soluções, articula, multiplica, subtrai, faz de tudo para que o outro faça o que ele quer.

Só dê ouvidos a quem te ama, repito. Cuidado com as acusações de quem não te conhece. Não coloque sua atenção em frases que te acusam injustamente. Há muitos que vão feridos pela vida porque não souberam esquecer os insultos maldosos. Prenderam a atenção nas palavras agressivas e acreditaram no conteúdo mentiroso delas.
Há muitos que carregam o fardo permanente da irrealização porque não se tornaram capazes de esquecer a palavra maldita, o insulto agressor. Por isso repito: só dê ouvidos a quem te ama. Não se ocupe demais com as opiniões de pessoas estranhas. Só a cumplicidade e conhecimento mútuo pode autorizar alguém a dizer alguma coisa a respeito do outro.

Ando pensando no poder das palavras. Há palavras que bendizem, outras que maldizem. Descubro cada vez mais que Jesus era especialista em palavras benditas. Quero ser também. Além de bendizer com a palavra, Ele também era capaz de fazer esquecer a palavra que amaldiçoou. Evangelizar consiste em fazer o outro esquecer o que nele não presta, e que a palavra maldita insiste em lembrar.

Quero viver para fazer esquecer... Queira também. Nem sempre eu consigo, mas eu não desisto. Não desista também. Há mais beleza em construir que destruir.

Repito: só dê ouvidos a quem te ama. Tudo mais é palavra perdida, sem alvo e sem motivo santo.

Só mais uma coisa. Não te preocupes tanto com o que acham de ti.Quem geralmente acha não achou nem sabe ver a beleza dos avessos que nem sempre tu revelas.

O que te salva não é o que os outros andam achando, mas é o que Deus sabe a teu respeito.

Padre Fábio de Melo.

terça-feira, 12 de maio de 2009

Almir Sater junto dos Violeiros do Brasil emocionam público em BH

Sobre esse show,vou postar os comentários dos membros da Comunidade de Almir Sater no Orkut,para que cada um por si,sinta a emoção que foi vivenciada.


Ana Júli@ ♥
Maravilhoso!!
Como a Georgina e o Milton já disseram,o show foi lindo demais!Todos os violeiros o tempo todo no palco,um aplaudindo o outro foi de arrepiar. Lindo, lindo demais...
Eu fiz algumas fotos,mas como fui de arquibancada, não pude ficar tão perto.Depois posto as fotos.Também consegui filmar algumas músicas:Parte de quedelepe,o encontro das águas,parte de beira mar,de cuitelinho e peixinhos do mar.Mas como a memória da máquina estava curta,tive que filmar com o celular,daí a imagem não está grandes coisas... Vamos ver o áudio como fica, né?? Vou postar assim que possível...

Chorei com cuitelinho... Maravilhoso,com as 12 vozes... Lindo demais!!!!! Almir e Tavinho tocaram encontro das águas (me emocionou pois o me lembrei do primeiro show da minha vida)... Simplesmente: AMEI!!!

No final do show consegui conversar com Paulo Freire, Tavinho Moura e Braz da viola, três graças de pessoa. Comprei o livro e o DVD e eles autografaram.









Georgina
Foi MA-RA-VI-LHO-SO!!! Como disse o Zé Mulato ou o Cassiano ( não sei quem é qual) um show daqueles é astronômico!!!
Primeiro a Mirian explicou o projeto Violeiros do Brasil.Abiram as cortinas e estavam todos os violeiros,sentados com suas violas nos braços.ARREPIANTE!!!
Tavinho Moura foi o primeiro a tocar e depois foram seguindo os outros, individualmente.O Almir Sater tocou Quedelepe,maravilhosamente,claro,e o público endoidou.Depois que cada um tocou uma música, foram tocando em duplas, Almir e Tavinho tocaram Encontro da Águas. Depois das duplas, Amir cantou Beira Mar com Zé Mulato e Cassiano e Pereira da Viola. No final todos juntos tocaram e cantaram Cuitelinho. Nunca vi nada tão lindo!!!! No bis, todos tocaram e cantaram Peixinhos do Mar. Lindo demais! Foi muito legal, porque ficaram todos no palco o tempo todo, ouvindo e aplaudindo os companheiros de viola. Eu arrepio só de contar pra vocês! E uma boa notícia: nesse show foi gravado um DVD. Então quem não teve oportunidade de ir ao show é só esperar pra ver no DVD.

Braz da Viola tocou viola de cocho, contando e depois cantando a história de São Gonçalo, depois fez dupla com o Roberto Correia, tocando viola caipira. Paulo Freire contou um caso do Renato Andrade e cantou Pedro e Paulo que é uma canção dele. Depois fez dupla com o Passoca. Só que eu estou fazendo confusão com as músicas das duplas, não estou lembrando qual das duas tocou Trenzinho Caipira do Villa Lobos. O Zé Mulato e Cassiano cantaram Poesia Não Se Vende e explicaram que se inspiraram nos sertanejos que gravam o que as gravadoras determinam, só para ganhar dinheiro.






Milton
Olá galera...
O Show foi muito bom. Casa cheia, belo cenário que nos remetia para os Sertões das Violas.

Todos os Violeiros tocaram primeiramente um instrumental individualmente. Depois vieram uns Duetos entre eles.

O Almir tocou Quedelepe, intrumental dele que está no DVD Violeiros do Brasil e que ainda não foi gravado em CD. Depois nos duetos ele tocou o instrumental "Encontro das Águas" que é de parceria dele com Tavinho Moura, eles tocaram juntos essa música.

Depois também teve a música Beira Mar, que é um apanhado folclórico de Tavinho Moura. Essa música foi cantada pelo Pereira da Viola e o interessante é que o Almir fazia, em alguns momentos uma 2ª Voz e o Zé Mulato (outro violeiro) uma 3ª Voz.

Ao Final encerraram com a música Cuitelinho, puxada pelo Pena Branca e que todos também cantaram.

Fotos eu tirei algumas mas minha máquina não é muito boa, creio que a Ana deva ter fotos melhores.





Fotos cedidas por Dra Ana Júlia,BH,MG, da Comunidade de Almir Sater no Orkut.

ALMIR SATER ARRASTA ADMIRADORES NA EXPOGRANDE 2009







*Colaboração envida por Cibelle Renata,de CG,MS, da Comunidade de Almir Sater.

Almir Sater, um artista diferenciado


Feedback sobre o show de Almir Sater,em Porto Alegre,dia 25/04/09.

Por Felipe Prestes

Apesar de alguns problemas com a (falta de) organização, e de casamentos que foram à ruína, o show de Almir Sater foi o que se esperava de um músico de alto nível. Com o Salão de Atos da Pucrs lotado, o pantaneiro tentou dosar os grandes sucessos com números instrumentais, e algumas poucas canções mais recentes.

O “problema” é que os sucessos são muitos na carreira de quase trinta anos. Para quem conhece mais a obra de um músico sempre acontece de querer ouvir aquelas canções que são muito boas, mas pouco conhecidas – desejo que raramente é satisfeito, como não pode ser no show de 1h40min de duração.

Os hits como “Peão”, “Tocando em Frente”, Um violeiro toca”, “Comitiva Esperança”, “Chalana” foram executados com arranjos refinados – sem perder a simplicidade - por um time de músicos que incluía dois violões, acordeon e a irmã de Sater, Gisele, nos backing vocals. Na bateria e percussão, o experiente Papete, que já tocou com vários grandes nomes da música brasileira, nos brindou com sua excelência.

Foi também a oportunidade para escutar ao vivo um instrumento que, com o atual cenário da música sertaneja, fica cada vez mais difícil de ver em Porto Alegre. A viola de Almir Sater mostrou-se versátil, passeando pelo blues, country e rock n’ roll, sem esquecer dos ritmos dos sertões brasileiros como o pagode de viola. É notável também como toda a bacia dos rios da Prata, Uruguai, Paraná e Paraguai compartilha de cultura musical semelhante, com os ritmos tocados lá para as bandas da Bolívia, do Paraguai e dos Mato Grossos sendo muito parecidos com o chamamé da fronteira entre Rio Grande do Sul e Argentina.

Por fim, não é difícil entender por que Almir Sater deixa o mulherio tão exaltado em seus shows.

Afora ter sido galã de novelas, o músico é simpático, bom de papo, e faz o tipo que fica envergonhado com o assédio – mas parece ser mesmo um cara simples.

Além disso, mostrou que não só é um grande músico como também um ótimo cantor. Sater é uma figura diferenciada no palco e um dos raros artistas que consegue no Brasil ser autêntico e ter alguma popularidade.

fonte:http://dacidade.wordpress.com/2009/04/27/almir-sater-um-artista-diferenciado/#more-162

Foto foi cedida por Sandra Steffens, Porto Alegre, da Comunidade de Almir Sater.

domingo, 10 de maio de 2009

Show de Almir Sater emociona Véspera do Dia das Mães em Vespesiano MG



A Véspera do Dia das Mães na Cidade de Vespesiano em MG, foi para lá de especial
FM Vespesiano e a Prefeitura trouxeram um presente super do bem:O som folk e manero do artista Almir Sater e super banda.
que tocou,cantou,encantou,deu o tom colorido na festa,na véspera do dia das Mães.





Almir Sater,foi exaustivamente aplaudido,do qual o artista agradeceu calorosamente.

Deixa que eu lhe diga
Nada me cansou
Não senti fadiga
Porque gente amigaS
Só me trás calor
Deixa que mais tarde
Na curva da estrada
A gente se vê.....

É só seguir rumo a Lençois Paulista,SP,que a caravana de Almir Sater,encerra com chave de ouro,uma das mais badaladas feiras agropecuarias,FACILPA.Hoje,10/05.

Arriverdecci,
Semana mais que do bem para todos voces...!!!

fotos gentilmente cedidas por Maria de Lourdes,MG,