Loira do bem ∞ : 10/31/13

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Marketing Pessoal― REDE DE NETWORKING ―

Foto: Pitaco Marketing Pessoal― REDE DE NETWORKING ―
Certa vez, eu assisti uma entrevista de uma cantora Gilmelândia sinceramente não lembro a banda que ela tocava mas é uma das que brilhavam no Carnaval em Salvador de anos atrás e eu até levei o exemplo para dentro da sala de aula, do curso que ministro voluntariamente, desde então. Quando ela começou na sua carreira, como todo o artista, de início, foi cantar em bares, no caso dela, dentro do Shopping, que por sua vez, havia uma senhora, que era a zeladora do local, que por sua vez, a convidou, para cantar no aniversário de sua filha, que morava perto de uma favela. No primeiro momento, ela pensou em recusar o convite, afinal, o que isso trará em benefício de minha carreira, uma pessoa não influente? .― mas, devido a bondade da pessoa em si e da data especial, aceitou fazê-lo, e no fim da noite, soltou a voz, com as canções, que não demorou para chegar até os ouvidos de um empresário de um dos bares mais famosos, perto do local.
Que, curioso pelo que ouvia, de imediato, mandou descobrir, de onde vinha a cantoria, e, deixou um cartão de contato, para que a cantora, fosse ter com eles, no dia seguinte e ser contratada, ganhando 3 vezes mais na nova empreita e partindo depois, para uma banda conhecida em todo o estado, como vocalista. 
Moral da história: Nunca despreze, ignore ou desdenha quem à primeira vista, parece não representar nada, muitas vezes quem está no topo, não favorece em nada, mas muitas vezes, quem está embaixo, tem a maneira certa, de fazer as coisas acontecerem. Por isso, que os administradores de empresas, damos muito importância ao Networking,  é um termo bem familiar, para nós, em inglês, "Rede de Relacionamentos",*por isso, digo aos meus alunos, em Marketing Pessoal, que, muitas vezes, deixamos de lado, pessoas, coisas, fatos, por não ter um olhar mais observador, ou seja a pessoa nem sempre é o influente, quem vai nos dar o empurrão necessário, ele ajuda a abrir portas, mas, às vezes, só abrir portas não leva para outro lado. Nunca pecam o contato com os amigos de infância, os da faculdade, os que saíram do seu círculo pessoal, ou profissional, porque, eles podem lhe trazer uma nova ideia, um  novo emprego, um novo caminho!.. e esses sim, podem abrir portas, de par em par e não apenas por interesse momentâneo!. Eu só sou o que eu sou, porque tem pessoas que acreditam nos meus sonhos e eu no sonho delas!. As redes sociais, é um excelente canal de Networking.Certa vez, eu assisti uma entrevista de uma cantora Gilmelândia, sinceramente não lembro a banda que ela tocava mas é uma das que brilhavam no Carnaval em Salvador de anos atrás e eu até levei o exemplo para dentro da sala de aula, do curso que ministro voluntariamente, desde então. Quando ela começou na sua carreira, como todo o artista, de início, foi cantar em bares, no caso dela, dentro do Shopping, que por sua vez, havia uma senhora, que era a zeladora do local, que por sua vez, a convidou, para cantar no aniversário de sua filha, que morava perto de uma favela. No primeiro momento, ela pensou em recusar o convite, afinal, o que isso trará em benefício de minha carreira, uma pessoa não influente? .― mas, devido a bondade da pessoa em si e da data especial, aceitou fazê-lo, e no fim da noite, soltou a voz, com as canções, que não demorou para chegar até os ouvidos de um empresário de um dos bares mais famosos, perto do local.
Que, curioso pelo que ouvia, de imediato, mandou descobrir, de onde vinha a cantoria, e, deixou um cartão de contato, para que a cantora, fosse ter com eles, no dia seguinte e ser contratada, ganhando 3 vezes mais na nova empreita e partindo depois, para uma banda conhecida em todo o estado, como vocalista.
Moral da história: Nunca despreze, ignore ou desdenha quem à primeira vista, parece não representar nada, muitas vezes quem está no topo, não favorece em nada, mas muitas vezes, quem está embaixo, tem a maneira certa, de fazer as coisas acontecerem. Por isso, que os administradores de empresas, damos muito importância ao Networking, é um termo bem familiar, para nós, em inglês, "Rede de Relacionamentos",*por isso, digo aos meus alunos, em Marketing Pessoal, que, muitas vezes, deixamos de lado, pessoas, coisas, fatos, por não ter um olhar mais observador, ou seja a pessoa nem sempre é o influente, quem vai nos dar o empurrão necessário, ele ajuda a abrir portas, mas, às vezes, só abrir portas não leva para outro lado. Nunca pecam o contato com os amigos de infância, os da faculdade, os que saíram do seu círculo pessoal, ou profissional, porque, eles podem lhe trazer uma nova ideia, um novo emprego, um novo caminho!.. e esses sim, podem abrir portas, de par em par e não apenas por interesse momentâneo!. Eu só sou o que eu sou, porque tem pessoas que acreditam nos meus sonhos e eu no sonho delas!. As redes sociais, é um excelente canal de Networking.