terça-feira, agosto 04, 2009

São Gonçalo rende-se aos encantos de Almir Sater na viola

Um grande e numeroso público compareceu no encerramento das comemorações do segundo aniversário do Centro Cultural e do V Festival de Inverno de São Gonçalo do Rio Abaixo,no domingo,2,para pretigiar o show de Almir Sater,na Quadra Januário Garcia.

Almir Sater retribuiu o carinho dos que vieram de todos os lugares,até de Belo Horizonte,só para assisti-lo,tocando sua viola sempre de forma unica e magistral,ecoando os acordes pelo recinto do festival,enchendo a noite de magia pelo ar.












Como é de praxe,Almir Sater cantou seus maiores sucessos,que foram imortalizados na sua voz,como Tocando em Frente,Um Violeiro Toca e Chalana,

Assim como Peão,Comitiva Esperança,que também,embalaram os corações de muitos,nas trilhas sonoras das novelas passadas.

Desta vez,o violão de folk de 12 cordas,não ecoou pelos ares,nada mais real
seria,ouvir Maneira Simples,são novos tempos,sinhá..são novos tempos;
e,haverá muitos shows para isto acontecer;


Mesmo assim,nada apagou o brilho do showzaço do artista os fãs e atuantes da nossa comunidade do Orkut de Almir Sater,que tem acompanhado o músico,por esse mundão de nosso Deus afora,assim,que sabem da agenda dos shows em tempo hábil,

viajam kilômetros,milhas, sol,chuva e frio, para marcar presença e aplaudir o grande artista,que é Almir Sater.Um show redondinho,regado a puro talento do instrumentista,
que ao meu ver é único no que faz.

Como a Lívia e sua mãe Talma,ambas mineirinhas e de Belo Horizonte,estiveram presentes neste grandioso festival,que,marcou o retorno do artista aos palcos,após curtas férias,no mês de Julho,para shows abertos ao público.

Falando em shows,a agenda de Almir Sater está "bombando" sem parar,e como está cada vez mais dificil,conseguir uma data disponível para tal,tamanho tem sido o assédio pela procura para os seus shows;

Pode-se dizer que Almir Sater é um destes raros artistas,que agrada a gregos e troianos e que possui adeptos de todas as idades e todas as culturas e com um nível
intelectual mais elevado;


Cada dia mais,se juntam a nós,na comunidade do artista no Orkut,mais fãs e adeptos do folk mania,um estilo diferente de ser e pensar; pois o simples resolve tudo;

e como simples é a palavra que se encaixa perfeitamente em Sater,foi a maneira com que recebeu as fãs Lívia e Talma,nos camarins,e as atendeu,carinhosamente,
dando autógrafos,fotos,dentro do possível,

Eu vou ficando por aqui,após ver tanta felicidade,respeito e carinho espalhados pelo ar e o show com um avalanche de pessoas,de todas as idades,raças e credos,só posso
parafrasear a canção de Almir Sater,Capenga e Renato Teixeira,que eu simplesmente adoro:

"Na sala fico em Paz,tocando bandolins,chamando pelos meus ancestrais"-
Que assim seja uai !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

*AS fotos foram cedidas por Lívia, de BH, da Comunidade de Almir Sater no Orkut.

Nenhum comentário: