Loira do bem ∞ : 10/12/14

domingo, outubro 12, 2014

Pitaco "sem desculpa se realmente quer Ler".




Há quem diga.. como vamos ler sendo livros tão caros?.. Ok não discordo, porém existe muitas alternativas.. Eu sempre indicava para meus alunos, a Biblioteca Municipal, que é direito e acesso de todos os cidadãos.
As inscrições geralmente são taxas anuais que variam de R$ 2.50 a 5,00 reais.
Agora também temos o vale cultura (opcional) para empresas/ empregados no montante de R$ 50.00 e pode ser cumulativo.
e sem contar vários sites que disponibilizam livros para leitura tanto download como online vide abaixo:
Segundo a "Comissão Especial de Juristas" ."Não é considerado ato delituoso a reprodução de um único exemplar de obra intelectual ou fonograma, para uso privado e exclusivo de quem copiar, sem intuito de lucro direto ou indireto". traduzindo: Cópia para uso pessoal, sem fim lucrativo, não fere o direito autoral. Fonte *Fonte: Agência Senado.
http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/PesquisaObraForm.jsp

12 de OUTUBRO " TRATE CRIANÇA COMO CRIANÇA"


Boa Tarde Criançassssss do Mundo \0/. Que eu perca a hora,
Senhora,
leve até Passa-fora
Mas nada penhora
a alegria,
a fantasia,
os sonhos,
o riso largado
Até mesmo deixar pra última hora
porque a Melhor hora
É deixar a Criança viva cascar fora.Tudo que não rima com história.
 p
orque a vida pede mais Cor!
 

Imagens: Reprodução: Blog da Anamovimento.      
Mais vale ser criança que querer compreender o mundo.por Fernando Pessoa.      

Sempre olhar como se fosse a primeira vez!
Se espantar como criança a perguntar por quês?.
Imagem:reprodução Internet.
Trecho Canção Almir Sater | Maneira Simples. Autoria Almir Sater | Paulo Simões.

Creio que aqueles que mais entendem de felicidade são as borboletas e as bolhas de sabão, e tudo que entre os homens se lhes assemelhem.
por Friedrich Nietzsche.
Imagem: google.

12 de Outubro - Dia Nacional do Leitura.

  Livros porque lê-los...
"A curiosidade, instinto de complexidade infinita, leva por um lado a escutar atrás das portas e por outro a descobrir a América". —Eça de Queirós.

"Faça, Fuce, Force / Vá / Derrube essa porta" .Raul Seixas. Você já leu hoje?.

Um público comprometido com a leitura é crítico, rebelde, inquieto, pouco manipulável e não crê em lemas que alguns fazem passar por ideias. por Mario Vargas Llosa.
Eu faço Rimas.
Afinal quem não rima
não entra no clima
uma lástima
fica até com enzima
tanto anima
quanto desestima.

"Ler é preciso e compreender mais ainda"
"Sou uma coisa que pensa, isto é, que duvida que afirma e que ignora muitas coisas, que ama ou que odeia que quer e não quer, que também imagina e que sente" Renê Descartes. 
"Um público que vem a uma Feira de Livros é um público especial.Uma cidade que prestigia o Livro é uma cidade especial". por Almir Sater.
Imagem: Cesar Machado, fotógrafo do Agrostock.

Imagens: Reprodução Internet.














PITACO CULTURAL: ALMIR SATER LOTA ESPAÇO EM JI PARANÁ EM RONDÔNIA


Almir Sater se apresentou pela primeira vez em Ji-Paraná, RO (Foto: Pâmela Fernandes/G1) 
durante passagem de som.

Com grandes sucessos, Almir Sater se apresenta em Ji-Paraná, RO.Mil pessoas assistiram à apresentação, na madrugada de sábado, 10.Show fazia parte das comemorações dos 10 anos de uma revista local.
Em aproximadamente duas horas de show e com a casa lotada, Almir Sater se apresentou na madrugada deste sábado (11) em Ji-Paraná (RO), cidade localizada a cerca de 370 quilômetros de Porto Velho. Entre os grandes sucessos do cantor, o artista executou “Tocando em Frente”. Neste sábado à noite, o cantor se apresenta em Ariquemes (RO).
Com 30 anos de carreira, Sater já esteve em Vilhena (RO) e Rolim de Moura (RO), mas esta foi a primeira vez que o cantor foi a Ji-Paraná. "Já fazia tempo que eu queria conhecer essas bandas de cá. Eu gosto de fazer show em locais que não conheço, com gente nova. Aqui é calorzão! Parece com meu Pantanal. É bom para você sair, passear, agora; para trabalhar não deve ser muito bom não", brincou Almir.
Com grandes sucessos, Almir Sater se apresenta em Ji-Paraná, RO (Foto: Pâmela Fernandes/G1) 
"Aqui é calorzão, parece o meu Pantanal!", disse
Almir sobre ji-Paraná (Foto: Pâmela Fernandes/G1).

Segundo a organização do show, promovido em comemoração aos 10 anos de uma revista local, participaram do evento cerca de mil pessoas, entre empresários, agricultores e pecuaristas. "Trazer Almir foi a melhor opção, pois este é o público que gosta do 'modão' de viola", explicou Irene Maria, proprietária da revista, sobre a escolha do cantor para a festa de comemoração.
O cantor tem 10 discos gravados e um novo álbum com músicas inéditas está em fase de produção. Sobre os shows, Almir conta que sempre se preocupa em agradar a todos os presentes. "Eu gosto de fazer shows que as pessoas que estão assistindo sintam o prazer de estar, sintam que valeu a pena ter saído do sítio, de outra cidade para vir prestigiar", disse o artista.
 Reprodução: Do G1 RO.  por Pâmela Fernandes
Assista Almir Sater cantando um trecho de Cabecinha no Ombro: