sexta-feira, junho 13, 2014

| COMPORTAMENTO |: — CANSEI DESTE BLÁ BLÁ BLÁ CONTRA A PRESIDENTA DILMA —


Passando a Limpo... Vou engrossar o coro de alguns das quais eu compactuo sobre........Também cansei deste blá blá blá..
Acho por demais e equivocado colocarem a culpa de tudo que rola nesta sociedade, na Presidenta Dilma Roussef, sempre houve canastrices, fanfarrices, juros exorbitantes, falta de incentivo ao empreendedorismo, corrupção, hospitais debilitados, crimes e violência. Nos outros governos eram encobertos, não havia redes sociais, nem tanto dispositivos de ultima geração, para registrar em tempo real, os "furos" que rolam por aí.
Reclamamos de tudo, protestamos, falamos mal, mas só virtual ou nas ruas, com faixas e cartazes, mas algum dia alguém de nós se dirigiu as Sessões realizadas e abertas à Sociedade no geral para tal. E a pergunta é:

—Quantos de nós participamos destas sessões na câmara de vereadores, sobre reuniões e pautas, para cobrar, exigir ou acompanhar o que eles estão a elaborar ou "dês" agregar em nossa cidade durante as sessões?
—Quantos de nós participamos de forma proativa, ou envolvemos os demais, a comunidade, o bairro, as pessoas, com feedbacks, contestações, ideias nas reuniões abertas ao público no geral, com Secretaria de Segurança para debates.

O que levamos até esses órgãos todos, como cidadãos, envolvendo a Comunidade a fim de trocar ideias, discutir sobre prevenção, conscientizar sobre direitos e deveres, até na quebra de paradigmas. Acho que a maioria nem tem conhecimento que isso é possível.

— Enfim qual é a nossa participação não só como cidadão, mas de cidadania, “direito de ter direito" neste contexto social e de forma ativa e vigilante sobre essas ações e até exigir medidas paliativas a serem adotadas?

A resposta está soprando aos ventos, nenhuma, eu mesma faço parte desta nulidade e da maioria, por enquanto. —E mesmo assim, continuamos a rechaçar, brigar e gritar. Repudiar fácil demais, ou seja, só incentivamos os outros a acender o fósforo, mas fugimos do comprometimento quase sempre, na vida real, inclusive eu.

Por isso que eu questiono — quanto de Nós, envolvemos no processo de envolver os parentes, amigos, familiares, colegas de trabalho, a Comunidade num todo, e incentivamos a ir às sessões públicas, para discutir, exigir e cobrar do Governo, planos, medidas que se adequam a nossa realidade? ...Ou seja, votamos, elegemos pessoas para nos Representar, mas nunca vamos até esses locais para acompanhar de perto o que estão a fazer com o voto de confiança que nós depositamos nas urnas eleitorais. E dizem que o olho do gordo engorda a boiada. ou seja, quem de fato quer melhorias, está insatisfeito, vai lá pessoalmente averiguar o que está acontecendo.

Mesma coisa ter um contador, um livreiro, e só saber do ativo e passivo, lucros e perdas, mas NUNCA perguntar ao contador, onde estão sendo feito as reformas, os gastos, etc. e tal, só perceber isso quando os gastos foram maiores que o lucro, e estamos no vermelho. Aí a casa já caiu. .