sexta-feira, 21 de junho de 2013

E, agora, Revolução???

Sinceramente? eu estou zonza, de tanta especulação e antagonismo nas redes...
Foto: Lucas Garcia como foi o show de Black Sabbath?  \m/ ..igual "O menino, o velho e o burro", a parábola.. todos parecendo "Mãe Dinah" Paulo Henrique Amorim trata-se de Golpe da Globo - Carlos Vereza, "saída de emergência" que a Dilma encontrou para que a FIFA desista da sediar a copa no Brasil, outros se partidos se unem aos manifestantes, é golpe, da direita ou da esquerda..
Quanto a se tratar de renúncia, acredito que possa existir, afinal de contas, ganhou o mundo os últimos acontecimentos, os investidores, estão agindo com cautela, acuados e temerosos para investir ou reinvestir no momento...tudo é possível..
Só me resta acreditar assim como adivinhações e crendices, que nos pegam quando vulneráveis e maldita mania que temos, de querer que alguém nos minta, mesmo sabendo que aquilo não é possível... que isso também não passa de bufões, de infiltrações...Será que, nós, povos, somos tão ingênuos e parvos assim? -
agora, Vamos à rua sendo soldados ( disfarçados) da plim plim? - Ah, sinto dizer, se isso, for verdade, mas acho um pouco utópico, não sei, posso estar enganada, e se eu estiver... farei como Manuel Bandeira, "vou me embora para Pasárgada, porque eu não quero nenhum controle, e nem ser condicionada a exigir o direito de equidade no meu país, sendo escrava de um sistema... Prefiro acreditar, que, somos, pessoas, sem nenhum controle na mente, nem que seja a minoria, mas que, não está sendo condicionada a lutar em vão...


Abandonando o "romantismo" de lado...e a memória é curta ...
Estava pensando que...pessoas ficam chocadas, com algumas barbáries acontecendo..ninguém deseja a violência, a degradação, mas, se é uma oposição, de verdade, não tem como...às vezes, é inevitável que haja o confronto, afinal, são opostos se afrontando, tudo caminha para um guerra civil...



by Belchior.
As CRUZADAS, não foram, com argumentos, convencer as pessoas a aderir ao cristianismo,( mas não seguiram o exemplo de Cristo), muito pelo contrário, agiram, segundo eles, "em nome de Deus", com uma matança inimaginável. Não foram poupadas crianças, mulheres, homens e serviçais (semelhantes a Deus)..mas a golpe de espadas, suas vidas foram ceifadas uma a uma.. As ações eram brutais e perversas. Muitas pessoas foram forçadas a se "converterem" ao Cristianismo.
E, durante as viagens pela Europa no caminho para a Terra Santa, saques, incêndios, estupros e outros atos deploráveis eram comuns e tido tudo como em "nome de Deus".
Assim como essas ações foram feitas por "supostos cristãos" que, absolutamente opostas aos ensinamentos bíblicos.. Assim como também, rei Henrique VIII, quando se debandou da Igreja católica,(por esta não permitir o divórcio para ele se casar novamente), fundou a anglicana, proibindo atividades, cobrando impostos impagáveis, levando os católicos a falência,perda de patrimônio, status, e que foram também para as florestas, formar nova rebelião.....Ou seja, sempre alguém, sai perdendo num confronto de interesses contrários...não tem como recuperar algo, só na palavra bonita e articulada.. não se trata de discurso, plenário e oratória.