quarta-feira, 11 de abril de 2012

Show do 1% pra cultura terá hoje Almir em Campo Grande, MS


O Movimento do 1% realiza uma grande celebração artística neste dia 11 de abril (quarta). A partir das 18h, músicos, atores e dançarinos irão realizar na Praça do Radio Clube um grande espetáculo artístico. Entre os artistas que irão se apresentar estão o violeiro Almir Sater, com sua banda, e a cantora Tetê Espíndola, o grupo Chalana de Prata e o compositor Geraldo Espíndola. Estão previstas as performances dos grupos Teatro Imaginário Maracangalha, Circo do Mato, Curumins, Pontao de Cultura Guaikuru, Mercado Cênico e o mágico Rick Thibau. Com previsão para durar 4 horas, o show do 1% ainda vai contar com Filhos dos Livres, Gabriel Sater, Beatles Maníacos, Mari Depieri e Projeto Aioa. Serão exibidos vídeos e o público poderá se divertir interagindo com o Quadrado da Dança e Expressão de Rua.

O evento acontece para marcar os avanços conseguidos pelo Movimento do 1%, como o aumento da verba do Fundo Municipal de Incentivo a Cultura (FMIC) e do FOMTEATRO. Os editais tiveram um aumento de quase 400% - de R$ 360 mil reais para R$ 1,5 milhão. O show reforça também a continuidade da luta do Movimento do 1%, que tem como objetivo reafirmar as propostas feitas pelo prefeito Nelson Trad Filho na audiência pública realizada em 2011 e acordadas com o Movimento do 1%, sobre o pagamentos dos editais de 2012 até o final do 1º semestre, e sobre o aumento, no orçamento municipal, para o valor de R$ 3 milhoes para o ano de 2013, exclusivamente para os dois fundos.

Esse será o segundo show manifesto produzido pela classe artística. O primeiro foi em 01 de novembro de 2011 e contou com a participação de 150 artistas e um publico de 3.800 pessoas. As ações do Movimento do 1% continuarão ao longo do ano com o foco na conquista correspondente à 1% do orçamento municipal campo-grandense destinados a Fundac e aos editais, cumprindo o que determina o Plano Municipal de Cultura aprovado pela Câmara de Vereadores e sancionado pelo prefeito em 23 de dezembro de 2009, através da Lei Municipal 4.787.

SHOW 1%

Praça do Radio

18H

Gratuito

http://www.msnoticias.com.br/?p=ler&id=83997

ALMIR SATER NO PERFIL DA MPB - Rádio Inconfidência.

TE CONTEI?

Os sucessos do compositor e violeiro são destaque no programa desta semana 

Almir Sater no Perfil da MPBPerfil da MPB deste domingo apresenta os sucesso do violeiro, compositor, cantor e instrumentista Almir Sater. O estilo do músico caracteriza-se pelo experimentalismo; agrega uma sonoridade tipicamente caipira da viola de 10 cordas, o folk norte-americano e também influências das culturas fronteiriças do seu estado, como a música paraguaia e andina.

Com dez álbuns na discografia, 30 anos de carreira e centenas de shows lotados por todo o país, Almir Sater é considerado um artista versátil da MPB, além de ter atuado em novelas como “O Rei do Gado”, “Ana Raio e Zé Trovão” e “Pantanal”.

Perfil da MPB com Almir Sater vai ao ar neste domingo, 15 de abril, às 19h, na Rádio Inconfidência FM 100,9 - Brasileiríssima - e pela rádio online.
http://www.inconfidencia.com.br/modules/news/article.php?storyid=1566

Almir Sater emociona público no Sesc Palladium


Almir Sater emociona público no Sesc Palladium

BELO HORIZONTE (09/04/2012) - Dentre causos e aplausos, lá estava ele. No último domingo (08/04), o Sesc Palladium recebeu o cantor e compositor Almir Sater. Dono de um talento musical ímpar, o violeiro, acompanhado da Banda Magistral, emocionou os mais de mil fãs que lotaram o Grande Teatro.
Há mais de 30 anos, Almir Sater investe na música tradicional interiorana. O cantor com expertise em violas, por onde passa e, em tudo o que faz, seja na arte de atuar, escrever ou cantar, deixa rastros de seu carisma e simplicidade. É o que afirma o cantor sertanejo César Menotti, da dupla César Menotti & Fabiano, que também esteve no Sesc Palladium para conferir o show. "O Almir tem uma vida invejável. Ele vem com um estilo diferenciado que reflete toda sua simplicidade. Prova disto são as polcas e os chamamés, ritmos que outrora eram dominados por arcodeons e que ele trouxe para viola", explica o sertanejo.
Como um bom violeiro, durante a apresentação, Almir não deixou de contar os diversos causos que o acompanham sua trajetória. No repertório, canções como: "No rastro da lua cheia", "Trem do Pantanal", "Comitiva esperança" e, como não poderia faltar, "O vento e o tempo" e "Um violeiro toca". Para o casal Zeni Saraiva e Omar Leite, esta foi mais uma oportunidade que tiveram para apreciar de perto os trabalhos do artista. "Além de apreciarmos a música de viola, temos profundo respeito e admiração pelo Almir, que durante anos não deixa morrer este estilo musical", afirma o casal.
Uma das músicas mais esperadas durante o show foi "Chalana", música escrita por Mário Zan e Arlindo Pinto. "A maneira que ele interpreta esta música encanta nossos corações, nos faz lembrar momentos especiais das nossas vidas", afirma a dona de casa Neide Pimenta, que se emocionou ao ouvir a canção.