terça-feira, 13 de novembro de 2012

Ser ético é estar na minoria, sem abrir mãos dos seus valores.

Todos vêem o que você parece ser, mas poucos sabem o que você é realmente, e estes poucos não se atrevem a contrariar a opinião da maioria.' [ by Maquiavel] .
 Ser ético é estar na minoria, sem abrir mãos dos seus valores.Assim já dizia os filosófos sábios é a mais tenra e pura verdade.
Dificil manter a ética, o bom senso e equidade em uma sociedade, que, adota na maioria das vezes, o  "salve-se quem puder".

Os valores, sejam culturais ou sociais estão distorcidos e a maioria de nós, parece não se importar com isso. Infelizmente, muitos adotaram a célebre frase, atribuída e de forma equivocada  e injustamente a Maquiavel, "os fins justificam os meios", ( tal frase segundo historiadores não constam em sua obra) mas disseminadas por desafetos, na época, que se sentiram incomodados e distorceram suas palavras, no livro "O Principe", em  que relata, sobre a monarquia, e a forma de governo, para atingir os objetivos finais.

de "maquiavélico",  ele não tem nada, a não ser de forma sutil, falar sobre a hipocrisia da sociedade na época, e que perdura até os dias atuais em muitos povos e governo.
Sua obra e´genial, e foi por todos esses anos "incompreendida", e que parece, que só, agora, ela toma uma novo rumo e diferenciado,

O que ele fez, na verdade, Maquiavel, foi mostrar a contradição entre governar um Estado e levar, ao mesmo tempo, uma vida moral. Ao tratar sem hipocrisia como um governante deveria agir, ele acabou com uma má fama, injustamente.

...Pois o homem que queira professar o bem por toda parte é natural que se arruíne entre tantos que não são bons." ( by Maquiavel).
 
E, sobre, a visão maquiavélica, é que vou dar meu "pitaco" e apoio para a menina Isadora Faber,de 13 anos, da bela terra e sempre Santa Catarina, que ficou bastante conhecida, ao criar a página “Diário de Classe” e segundo jornais, alcançou bastante repercussão e hoje tem mais 412 mil seguidores, a maioria de apoiadores da iniciativa da estudante.

 No ano passado, a escola da menina contratou um homem para pintar a quadra de esportes e que segundo ela, recebeu o dinheiro adiantado e não realizou o serviço. Após denuncia, as obras começaram a ser feitas.

Porém, segundo  sites e jornais, na sua escola a ação não foi tão bem recebida. Os professores e alguns colegas de sala demonstraram não gostar de tudo que ela escrevia na internet. A diretora da escola chegou a pedir que a página fosse retirada do ar, porém os pais e menina não atenderam o pedido.
A menina, então, passou a ser ameaçada, e sabotada por colegas, professores ao ponto do MP, abrir inquérito para investigações, das supostas ameaças e  apedrejamento sofrido.

... vindo a necessidade com os tempos adversos, não se tem tempo para fazer o mal, e o bem que se faz não traz benefícios, pois julga-se feito à força, e não traz reconhecimento."by Maquiavel.

Eu sou suspeita pra falar, porque, eu  valorizo muito pessoas, que agem como ela, e que não são massificadas, mas revolucionárias e irreverentes no modo de ser, agir e não marionetes a mercê, do que é mais facil seguir , mas que vivem, por suas próprias ideias e conceitos, sem ser cordeiros do sistema ou estigmatizadas por ele.

Adoraria ter uma menina destas no meu curso de "desenvolvimento interpessoal e assertividade" com certeza. O objetivo do meu curso, e da qual me propus a fazê-lo há mais de 6 anos, de forma voluntária é exatamente este: - de instigar pessoas, a pensar, a refletir, a abrir a mente para o novo, a questionar, não se deixar  influenciar pela maioria, mas, mesmo que hajam perdas, manter suas convicções. se é antietico, é. ponto final.

-papo cabeça - 
A  ética é "circunstancial",  pois atua de acordo com os princípios, valores e a cultura de cada um, pautada nas "escolhas" que devemos fazer,  diferente da moral, pautadas em  regras fixas e impostas por determinada sociedade ou povos.

Complicado separá-los...mas eu costumo dar como exemplo aos meus alunos -
-É cruel e imoral descartar idosos ou deficientes como as tribos aborígenes o fazem? com certeza, mas se a escassez de alimentos é grande e temos comida  para 10 no meio de 50? ..
certamente, a escolha e prioridade recairá sobre quem  produz, infelizmente.

... Ou, como um filósofo indaga: - sua mãe necessita de um remédio que custa 3.000 reais se não tomar dentro de 12 horas virá a óbito - o dono da farmácia recusa dá-lo pela falta do dinheiro.. o que separa a moral da ética é o vidro da farmácia e aí.. o que fará você ?
mete os pés ou deixará sua mãe morrer?

- Os alunos ficam em dúvida ou até com medo de dizer o que de fato pensa.. eu digo ..
"meto os 2 pés " ... moralmente estou infringindo uma regra, cometendo um delito, eticametne, não, porque, estou praticando a lei do amor, o que é mais importante?
- sem dúvida, salvar a vida de quem me deu a minha vida, sem exigir nada em troca.

"Não se pode chamar de "valor" assassinar seus cidadãos, trair seus amigos, faltar a palavra dada, ser desapiedado, não ter religião. Essas atitudes podem levar à conquista de um império, mas não à glória" by Maquiavel.

Voltando ao caso da menina, onde a mãe assustada com a repercussão, as ameaças, o apedrejamento e o builling sofrido por partes de colegas na escola, chegou a questionar:
- o que direi pra ela? -  que o errado é o certo? e que o certo não podemos expor publicamente? ... SIC

Foto 
A pergunta que faço é .. que legado tanto a instituição, o pintor querem deixar para os demais? Há horas que não adianta tapar o sol com  a peneira. Quando somos humildes em admitir um erro, uma falha, somos menos cobrados ou julgados à revelia.
Ao meu ver, a escola e a diretoria, deveriam usar isso ao seu favor - e mostrar aos demais de que - os valores morais e éticos, estão intrinsecamente ligados a estrutura e base familiar e caberia a entidade, apoiar e incentivar os alunos, para que isso perdure, formando cidadãos para o futuro, mais ético, sem adotar a lei da vantagem
São nos pequenos gestos, atitudes, do dia a dia, que demonstramos quem de fato somos.
Eu sempre digo, e já fui assim também até ter o despertar para uma nova consciencia...ou seja, falamos dos políticos, dos corruptos, mas, burlamos leis, ( furamos sinais vermelhos), filas, pechinchamos o trabalho dos outros, diminuindo seu valor, etc e tal...ou ainda aqueles, que aceitam propinas, pedem "comissões" para fechamento de negócios ou de produtos, 
São ações pequenas, mas que nada se diferem dos outros, do mensalão, de ética e de fazer a coisa certa.  
 
Agora, privar a menina de manifestar suas ideias, como também, de questionar sobre o serviço não prestado e melhorias que deveriam ser feitas, é no mínimo, uma atitude antagônica e constrangedora 
Afinal, não é a missão da escola, a de formar cidadãos de valoreshomens de bem? sic..

Quanto ao pintor, que alega, por motivos de doença não ter executado a obra ainda, deveria levar isso como aprendizado e aqui cabe a máxima " não devo fazer ao meu próximo o que não faria a mim mesmo", ou seja, repensar nas suas ideias,  é esse o legado e exemplo que quero deixar aos demais, aos meus filhos e netos? ...de que sou oportunista, e não cumpridor dos meus compromissos.?

Isso me faz pensar.. e a menina, deveria ser um modelo a ser seguido, e um orgulho para seus pais, é certamente, enquanto a maioria, aos 13 anos,  buscam uma vida fútil,
cultuando físico e superficialidades, ela vem nos mostrar que nem tudo está perdido, que existem pessoas, com conteudo e que almejam ser muito mais que um número de iguais, vida de gado indo pro abatedouro, mas questionadora e que desde cedo, já luta por seus direitos e a coisa certa.