sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Roger Waters participa de reunião da ONU sobre Palestina



  O músico britânico Roger Waters, um dos fundadores do Pink Floyd, assistiu a uma conferência da Comissão dos Direitos Inalienáveis do Povo Palestino, na sede das Nações Unidas, em Nova Iorque, nesta quinta-feira, quando os estados-membros da ONU votam a mudança do status da Palestina de “entidade observadora” para “estado observador” da organização.

Com a alteração, a Palestina pode ter acesso a agências da ONU, ser admitida no Tribunal Penal Internacional, assinar convenções sobre os direitos sociais e políticos e aderir a tratados abertos aos estados.



29 de novembro - O músico Roger Waters, um dos fundadores do Pink Floyd, cumprimenta o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, ao lado do presidente palestino, Mahmoud Abbas (à direita, sentado) antes do início da reunião sobre a Palestina em Nova York  Bebeto Matthews/AP

29 de novembro - Roger Waters integra o Tribunal de Russel sobre a Palestina, organização pública que trabalha pela paz no Oriente Médio. O músico falou na reunião, que lembra o Dia Internacional da Solidariedade para com o Povo Palestino Bebeto Matthews/AP


- Centenas de pessoas se reúnem na cidade de Hebron em apoio ao líder palestino Mahmud Abbas Hazem Bader/AFP