segunda-feira, 16 de julho de 2012

Pitaco by Loira do Bem para minha alegriaaaaaaaaa....

Pitaco by Loira do Bem para minha alegriaaaaaaaaa....
ALOHA eu vou "pirar o cabeção de tanta alegria"...!!!
Acabou de chegar um presente aqui..uebaaaaa e vindo made in MS.. by Lívia Macedo 
...ô semana que promete...e logo na segunda!!! uma alegria destas.. my god..e diz a sabedoria, que quando ganhamos presente é sinônimo que a "prosperidade" vai imperar em nossa vida.. então que assim seja.. e vindo de uma pessoa tão carinhosa e do bem como esta... ..mais ainda feliz eu fico...
Ah, a zeladora apertou a campainha e disse... rindo.. eu acho que é seu.. Loira voce é ...e tá escrito 'Loira do Bem " HAHAHA.. passa logo pra cá...eu disse... e claro, agarrei a caixa do correio...e como criança correndo abrir..ainda mais que ontem, ela havia adiantado no MSN sobre o mimo para mim...:)
E....pasmem..eu quase tive um treco de felicidade... Voces não podem ver a cena, mas podem imaginar, e eu já a fiz, anos atrás, num momento feliz e mágico, "Does anybody remember laughter "??? ...
Desculpe mas eu não me contive ...."Como criança a perguntar por quês"??? ..
Quem já assistiu o filme "Simplesmente Amor", onde o casal ( Rodrigo Santoro e Laura Linney), quando se encontram, ela seriamente fecha a porta e diz para ele aguardar um momento.. e sozinha, ela pula, dá socos no ar, gesticula, faz e acontece, a alegria não cabe em si, depois ela volta e abre a porta, o convidando para entrar, de forma surreal, tímida e sutil..hehehee.. a euforia foi a mesma agora.. pode ter certeza...! Obrigada Obrigada e Obrigada!!!. 
Nas palavras xamanicas de acordo com o presente recebido Munay...a vc também Alexandra Rocha de Oliveira, ela disse que eram uma lembrança de ambas pra mim...hehehe.
Gente...do céuuuuuuuuuuu, da terra e do ar, ..uau............. uma flauta da tribo bororos igualzinha da foto.. hehehee...e um baquite da tribo Xavante, me perdoem se eu li errado, é a emoção.. de tanta felicidade de ganhar algo que eu não tenho e que adoro, a cultura indígena, é ponto de referência, para eu, mudar, a forma de comportamento, cultura e até da espiritualidade, de como respeitar o meio ambiente, a natureza e até as relações interpessoais.