Loira Do Bem ∞ : Almir Sater diz que Capital merece o Aquário do Pantanal

terça-feira, 24 de maio de 2011

Almir Sater diz que Capital merece o Aquário do Pantanal

Almir Sater diz que Capital merece o Aquário do Pantanal
Rachid Waqued
















O legítimo “pantaneiro” cantor e compositor Almir Sater fechou a cerimônia de assinatura da autorização de início das obras do Aquário do Pantanal com um show ao ar livre nos altos da Avenida Afonso Pena. Assediado por fãs antes de começar a apresentação, no palco o artista deu as boas-vindas à emblemática obra de educação, ciência, cultura e turismo tocando sucessos que remetem à realidade pantaneira, à nostalgia da viagem no famoso trem, às comitivas de gado.

Em uma rápida conversa antes de iniciar a apresentação, Almir Sater comentou a iniciativa de implantação do espaço. “Eu estou conhecendo agora o projeto, achei muito bonito, acho que Campo Grande merece um projeto desses, moderno, e que traz um pouquinho do Pantanal, das nossas águas, dos nossos peixes para cá. Acho uma beleza”. Uma meta do governo com o empreendimento é expandir a divulgação da região pantaneira, no aspecto turístico e como modelo de conservação, e tornar Mato Grosso do Sul mais conhecido mundialmente.
Em discurso e entrevistas, o governador André Puccinelli reforçou a meta de associar a “grife Pantanal” a Mato Grosso do Sul, aproveitando que o Estado detém em seu território 67% do bioma, porção bem maior que a abrangida pelo Mato Grosso e países vizinhos. Para o cantor, compositor e defensor do Pantanal Almir Sater, é mesmo necessária a valorização da região. “Acho que ainda está de forma tímida o Pantanal para o mundo. Temos que ser um pouco mais agressivos no marketing”, opinou.

Em um ambiente montado junto ao local onde ocorreu o lançamento, visitante podem ver um pouco do projeto que mostra detalhes internos de como será o Aquário e um grande painel que representa a visão externa. Para quem acompanhou o evento na noite desta segunda-feira, a visita foi ao som da trilha sonora de Almir Sater.

fonte: http://www.msnoticias.com.br/?p=ler&id=65005