domingo, 21 de fevereiro de 2010

6° Salão do Livro em Palmas,To anuncia show de Almir Sater


08/02/2010 - Cultura.

Palmas se prepara para receber o 6° Salão do Livro.

O secretário da Educação e Cultura, senador Leomar Quintanilha, informou nesta segunda-feira, 8, que os técnicos da Pasta trabalham em ritmo acelerado para fechar os últimos detalhes da programação do 6º Salão do Livro. Enquanto isso, a paisagem da Praça dos Girassóis, em Palmas, começa a ganhar um novo visual com a grande estrutura física que vai abrigar o maior evento literário da região Norte do país, marcado para ocorrer de 19 a 28 de março. Este ano, o espaço ganhará mais de dois mil metros quadrados, passando de 8.350m² para 10.800 m². A estrutura metálica dos galpões é a primeira etapa a ser montada. Posteriormente, virão a cobertura, o piso e as instalações elétrica e de refrigeração. Durante um mês, mais de 100 pessoas estarão envolvidas na montagem da estrutura. A empresa contratada para realizar o trabalho prevê o término no início de março, possibilitando aos expositores montarem seus estandes.

A tenda, totalmente climatizada, contará com 115 estandes, praça de alimentação e o auditório principal com mil lugares. Entre outras novidades, o 6º Salão do Livro terá uma sala exclusiva para a leitura. Algumas das atrações já confirmadas são Fagner, Cocoricó, Almir Sater, Grupo Toll, Edson Cordeiro, Terça Insana, Viviane Mosé, Willian Doglas, Daniel Godri, Laura Muller, Oscar Schmidt, Tadeu Schmidt, Dominguinhos, Ciência e Show, Ana Beatriz Barbosa Silva e Rosa de Saron. As 500 editoras que participarão do evento devem expor cerca de 80 mil livros.

Para Leomar Quintanilha, o Salão do Livro do Tocantins tornou-se uma ação de popularização da leitura.“É missão de qualquer gestor promover a leitura e atrair a atenção da população para os livros.Eles são um dos meios de transmissão de conhecimento mais universais e eficazes que existem”, disse.

5ª Edição
Em 2009, 305 mil visitantes passaram pelo 5° Salão do Livro, entre eles, 472 caravanas de escolas de todo o Estado, trazendo 18.700 estudantes. Nos 8.350 m² de estrutura, crianças, jovens, adultos e idosos tiveram à disposição 327 atrações, como palestras, shows musicais e lançamentos de livros. Mais de 829 mil exemplares foram comercializados nos 115 estandes de livrarias e editoras, gerando R$14,9 milhões. (Informações Ascom/TO)