sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

A INVEJA ATRAPALHA OS NEGÓCIOS E DESENVOLVIMENTO


Um dos sentimentos que mais atrapalha os negócios e o desenvolvimento
dos diversos setores de uma sociedade, em qualquer atividade é a
inveja, assim mesmo, ela acaba com muitas coisas boas que poderiam servir
para desenvolver empreendimentos e cidades.

È um mal tão grande e enraizado em nosso modo de viver que já causou
até mortes. Porque simplesmente extermina tudo o que pode começar.

Mais que tudo, é importante acabar o mais rápido com esse nefasto
aliado dos negócios, não podemos aceitar que essa inveja esteja acabando
com qualquer iniciativa que pode trazer maiores divisas e melhores
empregos, salários e qualidade de vida para nossa cidade.

Infelizmente, existem pessoas que por um “cargo” são capazes de tudo,
sem se preocupar em ferir alguém ou roubar algum bem apreciado de uma
pessoa que batalhou tanto para alcançar aquilo.

Esse sentimento faz parte do cotidiano de muitas pessoas
do nosso município, em nosso Estado,nosso país e no mundo todo.

Poderíamos então seguir os ensinamentos dos grandes sábios, entre
eles o mais polêmico guru, Osho,que nas suas meditações manifesta
“onde você estiver, é sempre o início.

É por isso que a vida é tão bela, tão jovem, tão virgem”.

Não vamos perder os maravilhosos momentos que de qualquer forma
o nosso Grande Pai Criador nos entregou, não vamos invejar o que os
outros têm, vamos preocuparmos-nos de nós mesmos.

E deixai viver os demais da forma que quiserem nem tampouco, fazer que os outros querem.

Em nossa vida ninguém deve interferir, apenas aconselhar se for o
caso, mas nunca ficarmos ao “gosto dos outros”, “acredito que nascemos
para viver nossa própria vida, com nossos defeitos e virtudes.

Cada um deve encontrar o melhor caminho paracrescer e desenvolver, sem prejudicar
os outros ou presssionar para que a pessoa seja obrigada a renunciar.

Cada um é dono de si, Deus nos fez com perfeição e semelhança, e deu forças
suficientes para vencer os obstáculos.

Meu pai me ensinou as palavras sábias de Dom Orione, discípulo de
Dom Bosco, realizador da ordem dos Salesianos, “Faz o bem sempre, o mal
nunca a ninguém”.

Isso é viver sem se preocupar com o que o outro têm,ajudar os necessitados quando for possível. Não atingir o negócio do nosso concorrente para que quebre, não devemos ser desleais.

Para que nossa cidade cresça em virtude de tudo, e nossa qualidade de
vida aumente com maiores benefícios econômicos e sociais, vamos refletir
com as sabias palavras do famoso Walt Disney “se Deus nos deu o Dom de
sonhar, também nos foi dado o poder de realizar”.

Sergio Ruz, jornalista e gestor de negócios, Jornal de Guarapuava
http://www.jornalsur.com/site/images/stories/edicoes_pdf/jornal77.pdf