terça-feira, novembro 18, 2008

Troca de energia, uma questão de escolha.





















A energia vital é um dos recursos que dispomos para elevar a nossa consciência e avançar para níveis mais altos.
Porém, quando utilizamos essa energia de forma equivocada, ocorre as "impressões" negativas, em nossos centros de energias, bloqueando o movimento e o nosso fluxo energético, alterando as nossas atitudes e comportamentos, onde acabamos ferindo a nós mesmos e as outras pessoas.

Grande parte desta energia está ligada na troca de energia sexual, onde cria-se lacunas que enfraquecem a aura, quando não se recebe a energia de amor.

Quando há a troca de energia elevada, a mistura ou fusão das energias fortalece o campo energético das pessoas envolvidas no processo.

Quando pessoas não estão envolvidas, espiritualmente ou com a alma pela outra, acabam causando prejuízos uma à outra, sendo casados ou não, pois o fluxo de energia não flui. Isso quer dizer que, quando desfrutamos de intimidades com outra pessoa, não por hábito ou comodismo, mas, sim pela energia que uma emana para a outra, ambos se abrem energeticamente, de uma maneira mais profunda, quando há uma fusão de almas, a química perfeita, isso permite que cada parceiro, carregue a energia do outro.

Ou seja, carregamos a "vibração"energética do campo e dos centros de energia da outra pessoa. Essa vibração inclui num maior ou menor grau, os pensamentos, as emoções, que podem ser positivas ou negativas, depende do estado de espírito e comportamento do outro.

Se estamos zangados ou tristes, a vibração da nossa raiva ou da nossa tristeza pode ser transferida para o outro, que por sua vez será receptor tanto das alegrias como das tristezas, devido ambos vibrarem na mesma sintonia. A energia que carregamos é a nossa força vital e a sua energia positiva é a sua "luz".

Eis, o por que é importante, ser sábio ao escolher o que faremos com a nossa energia e de que maneira vamos aplicá-la. Quando vivenciamos relacionamentos ou situações, onde existem apenas o hábito, a rotina, ficamos exauridos energeticamente, não temos a energia e força, suficiente para alimentar a paixão pela vida, e ver em nossos projetos, algo extraordinário para o futuro.

Pois o uso incorreto de energia, nos leva ao entorpecimento diante da beleza da vida, e não usar a energia de forma indiscriminada,

Na visão do Xamanismo, que é a mais antiga prática espiritual da humanidade, e que tem como base, o respeito pela ecologia, reconhecimento do Sagrado.

A necessidade de expandir a consciência e obter resposta em mundos paralelos, a prática do amor incondicional, isso independe de religião, são ensinamentos milenares e que estão conectados com o universo supremo, com o fluxo de energia;

O Criador sabe exatamente que tipo de seres nós somos. Também seguem a mesma linha de pensamento em relação a energia.

Quando você abraça outra pessoa e sente uma energia surgindo, você está sentindo o que o Criador pôs em você. Isso é o sumo e a parte divertida da vida.E é bom sentir e desfrutar a energia que flui entre duas pessoas. Quando o índio canadense senta no fogo com uma mulher, ele diz estar "dividindo o poder". Quando eles estão juntos sexualmente, ele chama de "dividir o poder" também.

O que ele quer dizer, é que a partir daquele instante, um passou a receber o fluxo de energia do outro, por isso já não são mais um, e sim dois vibrando na mesma energia.

É o que inspira as águias para dançar no meio do ar e ser graciosa e selvagem, entrelaçando e girando, na perfeição, intenção, tecendo sua dança, até o último momento, liberando sua garra para a subida, voando alto até o céu, livre e plena.

É a troca de energia.Todo mundo tem um campo energético em torno de si.

A partir do momento que se aproxima de alguém, ambos irradiam-no, vibrando na mesma energia; Eis a importância de saber atrair quem está na mesma freqüência, como também, transmitir para alguém a energia positiva, onde se dá um fluxo de energia constante.

Pois, quando há essa fusão de energia, ficamos conectados, um ao outro e a variação de comportamentos, humor, afetam as duas pessoas, tendo em vista, que ambos vibram no mesmo grau de energia,

Hoje, no Planeta a vibração está mais alta do que nunca. As pessoas se preocupam cada vez mais com o autoconhecimento e fazem para si mesmos uma pergunta: -"O que eu realmente devo fazer na vida?"

Nesta busca deparam-se com barreiras, seja com relacionamentos, trabalho, saúde, carreira e etc. O maior obstáculo para o crescimento é a inércia, que cria a insensibilidade, pois priva o indivíduo de novas possibilidades, cria passividade com relação à vida. Cria falta de vitalidade, limita a criatividade e predispõe ao papel de vítima. A consciência se limita a fugir, a ter medo.

Quando se aproxima o verdadeiro propósito da alma, tudo da natureza interior vem a tona. A pessoa entra em um processo mais rápido de transformação pessoal. Quando convidamos o amor para despertar poderes mais profundos, trabalhar nos desafios torna-se uma aventura.

Portanto, "como", "com quem", e "para quem", devemos pensar em como usar as nossas energias, pois nelas estão as decisões mais importantes que podemos tomar, de como saber elevar a nossa energia de forma construtiva e para a luz, não permitindo que as trevas tomem conta.
fontes: Adaptado do livro "Verdadeiro ou Falso" de Michelle Rios Henelly e R.Keven Hennely. sobre a vitalidade e energia sexual.
Trechos de textos extraídos do Léo Artese e de sites com autoria desconhecida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu pitaco é muito importante, mas lembre-se feedback assertivo é uma forma inteligente de interação, além de evitar futuros aborrecimentos.